Aeroporto, treino e viagem: Corinthians se prepara para o quarto jogo seguido fora de casa

    O Corinthians não teve um grande rendimento no empate sem gols contra o Vitória, quarta-feira, em Salvador, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil.

    Uma das razões apontadas por Fagner foi o desgaste vivido pelos atletas, que chegam a quatro jogos fora de casa neste domingo, às 16h (de Brasília), contra o Atlético-MG, pelo Brasileirão.

    – Nessa rotina de viagens que estamos tendo é natural dar uma caída. Vamos recuperar bem, descansar dentro do possível, nos alimentar bem e recarregar as energias no pouco que a gente fica em casa – destacou o lateral-direito.

    Jogadores do Corinthians enfrentaram horas em aeroportos nos últimos dias (Foto: Marcelo Braga)Jogadores do Corinthians enfrentaram horas em aeroportos nos últimos dias (Foto: Marcelo Braga)

    Jogadores do Corinthians enfrentaram horas em aeroportos nos últimos dias (Foto: Marcelo Braga)

    Por conta disso, o técnico Fábio Carille admite que pode fazer duas ou três mudanças na equipe.

    – Pode acontecer, sim (mudanças no próximo jogo), mesclar um pouquinho, segurar alguns jogadores, não muito, dois ou três, para que a gente também não perca a ideia de jogo.

    A rotina de viagens e aeroportos realmente tem sido grande. Relembre:

    • O Corinthians viajou para Buenos Aires dia 16 à tarde;
    • Na noite do dia 18, venceu o Independiente por 1 a 0, na Libertadores;
    • A volta a São Paulo foi dia 19, com chegada no início da noite;
    • O grupo seguiu para Curitiba no dia 20 à tarde;
    • Na manhã do dia 22, venceu o Paraná por 4 a 0, pelo Brasileirão, voltando à tarde;
    • Para a Copa do Brasil, o elenco chegou em Salvador na noite do dia 24;
    • Na quarta-feira (25), empatou sem gols com o Vitória;
    • Nesta quinta, o Timão chega a São Paulo no início da tarde;
    • A viagem para Belo Horizonte ocorre no sábado, com jogo domingo e volta na segunda.
     Na última quinta-feira, Jadson havia lamentado a sequência:

    – Às vezes a gente nem para em casa, periga nem ver os filhos acordados. Amanhã acordam cedo, vão para o colégio, então a gente passa a semana toda sem ter esse contato legal com os filhos. A gente acaba vendo mais a mulher, porque ela acaba esperando, mas eles entendem, sabem que o sacrifício é válido para quando chegar no jogo a gente conseguir os três pontos – destacou.

    A boa notícia para o elenco é que o calendário da próxima semana reserva quatro jogos seguidos em Itaquera, sem viagens:

    • Corinthians x Independiente – Libertadores – 2 de maio;
    • Corinthians x Ceará – Brasileirão – 6 de maio;
    • Corinthians x Vitória – Copa do Brasil – provavelmente 9 de maio;
    • Corinthians x Palmeiras – Brasileirão – 12 de maio .

    O Timão lidera o Brasileirão com seis pontos em dois jogos.

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Ralf - Ivan Grava
    Notícias do Corinthians
    Sidcley