Até imprensa portuguesa destacou má fase do Corinthians como visitante no Brasileirão: ‘Crise’

    Após a vitória por 3 a 2 sobre o Palmeiras no Dérbi de domingo (5 de novembro) pelo Brasileirão, o Corinthians elevou sua vantagem na liderança da competição para seis pontos em relação ao Santos, o novo vice-líder. Nesta quarta-feira (8), porém, o Timão terá compromisso importante contra o Atlético-PR, fora de casa, pela 33ª rodada.

    Veja a programação do FOX Sports

    A importância da partida inclusive foi destacada pela imprensa portuguesa, que ressaltou a presença do técnico Fabiano Soares, que passou alguns bons anos em Portugal, no time adversário e também atentou para a “crise” que o Timão vive como visitante.

    “No meio da fase menos boa no Brasileirão, o Corinthians tem deixado a desejar especialmente fora de casa, onde não vence desde 23 de agosto, quando bateu a Chapecoense por 1-0. De lá para cá, em seis encontros, o melhor que o Timão fez foi alcançar dois empates”, escreveu o diário Record, de Lisboa.

    A publicação ainda comentou dos importantes desfalques que o Timão deve ter para a partida na Arena da Baixada, incluindo a possível ausência de Jô, que será julgado nesta quarta-feira horas antes do jogo no STJD, por conta do lance violento que protagonizou na derrota contra a Ponte Preta.

    “A equipe de São Paulo terá igualmente três baixas por suspensão: Cássio, Gabriel e Jadson. Os dois primeiros são habituais titulares e obrigarão Fábio Carille a mexer no esquema, ao passo que o terceiro já nem é titular, pois perdeu a sua vaga para Clayson. Mas os problemas para o Corinthians não param aí, pois pode ainda entrar outro jogador na lista de indisponíveis. Tudo porque Jô poderá ser alvo de uma pesada sanção, por causa de um lance mais violento no embate com a Ponte Preta. A decisão do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) será conhecida na quarta-feira, horas antes do início do jogo com o furacão”, completou o jornal.

    Saiba mais:

    O que foi dito no vestiário do Palmeiras

    Guerrero rompe o silêncio após suspensão

    Edmundo critica postura de gigante brasileiro

    Crédito foto: Agência Corinthians 

    Veja Também