Carille refaz as contas de ‘número mágico’ para conquistar o título do Brasileirão

    O técnico Fábio Carille voltou a falar com a imprensa na manhã desta sexta-feira, quase duas semanas depois de ganhar por 3 a 1 do Sport e “desligar” sua cabeça do futebol em parte do período sem jogos que o Corinthians teve desde então. Contente pelo trabalho realizado desde então, o treinador não deu muito crédito às declarações de rivais desistindo do título do Campeonato Brasileiro, que, para ele, não depende mais apenas de 72 pontos.

    “Eu errei daquela vez, respondi rápido. Não sei no que eu pensei naquele momento”, comentou o treinador, recordando a coletiva concedida após o empate por 2 a 2 com o Atlético-PR, no estádio de Itaquera, apenas dois dias depois de o treinador do Grêmio, Renato Gaúcho, dizer que o Timão iria “despencar”.

    Bayern, Real e Inter essa semana no FOX Sports!

    “Quando acaba o turno, você sempre olha para a pontuação do segundo. O Grêmio fez 39 pontos, então você sempre dobra, busca 78. Mas é claro que, faltando 8, 7 rodadas você vê o que precisa com uma certeza maior do que agora, na virada do turno. Hoje trabalhamos com 78 pontos”, disse Carille, bastante desconfiado ao ouvir o próprio Renato afirmar que jogaria “com a garotada” o torneio nacional.

    “Isso é uma pegadinha. Estamos com um grupo bastante maduro, não vamos entrar nessas conversas. Vamos fazer que nem aconteceu no começo do ano, tem que ir para campo e trabalhar. É claro que eles vão priorizar, mas pode ter certeza que não desistiram. Vai ter jogo e o campeonato para depois para as seleções. É muito cedo para desistir”, avaliou o corintiano, celebrando a possibilidade de passar 14 dias só treinando os atletas.

    “Foi muito importante para nós, não treinando demais nem treinando de menos. Determinamos a intensidade de dois treinos semelhantes a um jogo para não perder esse ritmo de jogo”, avaliou, descartando, por fim, qualquer favoritismo atrelado ao Timão pela boa campanha.

    “Sempre falei que a gente tinha de chegar nas últimas dez rodadas embolados lá na frente. Não acreditava que ninguém ia disparar, acabou a gente disparando, mas tem de confirmar”, concluiu Carille.

    Leia também:

    Ex-sonho do Fla rescinde na Espanha

    Lucca fala sobre sua saída do Timão

    Jornal: São Paulo contratará goleiro

    Veja Também