Carille tenta reforçar Corinthians em semanas sem jogo: “É saber a dosagem”

    • Marcello Zambrana/AGIF

      Carille terá 15 dias para trabalhar exclusivamente com seus atletas

      Carille terá 15 dias para trabalhar exclusivamente com seus atletas

    Líder disparado do campeonato, invicto e há mais de 30 jogos sem perder. Como se todo o bom momento não bastasse, o Corinthians ainda vai ter o luxo de ficar 15 dias sem nenhum jogo oficial, podendo aprimorar ainda mais o imbatível sistema de jogo montado por Fábio Carille.

    O benefício vem por uma coincidência da tabela. Isso porque a Chapecoense, adversária da próxima rodada do Brasileiro, está na Europa para uma excursão onde enfrentará o Barcelona, além de ir até o Japão para enfrentar o Urawa Red Diamonds, pela Copa Suruga.

    “Agora, serão duas semanas em que temos de ser bastante inteligentes para saber o que fazer. Vamos nos reunir, ver os jogadores que precisam ganhar força, usar o que nos oferece o CT, academia, laboratório para ter uma sequência importante para nós. É saber a dosagem, não dar treino demais nem de menos”, disse Carille.

    Como o calendário brasileiro seria incompatível com todas essas datas, a CBF ajudou a equipe do Oeste catarinense alterando a sua tabela. O jogo que seria marcado para o próximo fim de semana, então, foi transferido apenas para o dia 23 de agosto.

    Na próxima quarta-feira, o time folga porque a data está reservada para a Libertadores, competição que os corintianos não disputam nesta temporada. Na outra quarta-feira, dia 16, o calendário está reservado para Copa do Brasil, que os alvinegros já foram eliminados. O próximo compromisso está marcado apenas para 16h do dia 19, um sábado, em Itaquera. O adversário será o Vitória.

    A folga de luxo também será fundamental para que o Corinthians recupere atletas que têm sofrido com problemas de lesão. Jadson e Pablo, por exemplos, estão no departamento médico. Romero precisou ficar fora de jogos recentes para se recuperar de uma lesão na coxa.

    “Vai ser bom para trabalhar e recuperar. Será importante para a gente readquirir níveis de força nos treinamentos. O Fábio também poderá trabalhar parte tática neste período”, disse o lateral Fágner.

    Jô também comemorou bastante o período de treinos e concentração.”Primeiro temos de dar uma recuperada nesse período de 15 dias. Fui um dos que mais jogou no começo do ano. Essa sequência de jogos, em alguns momentos, faz cair a qualidade pelo cansaço. É continuar trabalhando, repetições, pegar o que precisa ser melhorado e ajeitado. Só com trabalho vamos chegar ao fim do ano com nosso objetivo”, disse ele ao Sportv.

    Veja Também