CBF estuda 2017 sem jogos em data Fifa e Brasileiro só fim de semana

    A CBF pode reformular o calendário oficial do futebol brasileiro para a próxima temporada. De acordo com o apresentador do “Redação SporTV”, André Rizek, uma série de mudanças pode ser feita já para 2017.

    Nesta proposta, os campeonatos estaduais terão menos datas no início do ano. O Campeonato Brasileiro seria antecipado para abril e seria disputado apenas nos fins de semana. De terça a quinta, os clubes poderiam disputar a Taça Libertadores, Copa Sul-Americana, Copa do Brasil, além de regionais como a Copa do Nordeste e Copa Verde, além da Copa da Primeira Liga.

    Outra grande mudança seria a pausa nas data Fifa, assim os clubes brasileiros não seriam mais obrigados a entrar em campo sem os seus jogadores convocados para as seleções do Brasil e de outros países.

    – Está se costurando na CBF o seguinte acordo para o ano que vem: Campeonato Brasileiro só aos finais de semana. Vai ser maior, começando em abril. O meio da semana será só para a Copa do Brasil, Libertadores, Copa da Primeira Liga, competições regionais, como a Copa do Nordeste e a Copa Verde. Os estaduais serão menores. Há um pré-acordo que o estadual do Rio terá 16 datas, será bem menor. E o compromisso de que, quando a seleção brasileira jogar, não tem rodada, como se faz na Europa. É um acordo, vamos esperar oficializar, não quero comemorar antes da hora – disse André Rizek.

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Notícias do Corinthians

    Comments (5)

    1. Avatar
      Flavio Bambom

      minha tv web timao, não funciona a 2 jogos, o que acontece????

      tenho o plano para 2016 e 2017

    2. Avatar
      Flavio Bambom

      Boa tarde,

    3. Avatar
      Maguinho Tomaz

      Td balela pra iludir torcedor ou intao volta o brasileiro pro mata mata ai sobre data……

    4. Avatar
      Gustavo Facil

      Acredite no Timão!!! Aposte no http://www.futebolfacil.com.br e ganhe 100% de bônus no primeiro depósito. ACEITAMOS TODOS OS CARTÕES.

    Comments are closed.