Contratação do Corinthians - Gil pode ser o primeiro

    Guia de Contratações do Corinthians para 2019

    Gil pode abrir temporada de contratações do Corinthians, mas clube pode ter baixa importante. Neste guia, você irá conferir:

    • Gil muito próximo
    • Atacante de saída
    • Situação de Pedrinho e Gustagol
    • Política de contratações
    • Zagueiro é prioridade
    • Quem o Corinthians contratou em 2019
    • Últimas Notícias do Mercado da Bola

    Gil pode abrir temporada de contratações do Corinthians para 2019

    Após a derrota para o Santos, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro, o Timão entrou de férias e só volta a campo oficialmente no dia 14 de julho. O compromisso será contra a equipe do CSA em São Paulo. A partir de agora, o interesse da torcida se volta para a temporada de contratações do Corinthians.

    Contratação do Corinthians - Gil pode ser o primeiro

    Uma postagem do zagueiro Gil nas redes sociais causou alvoroço entre os corinthianos. Em resposta a um contato, Gil afirmou que estava retornando ao Brasil. Não se sabe, porém, se a mensagem era, de fato, um sinal de que o zagueiro está de malas prontas para retornar ao Parque São Jorge.

    O único fato concreto é que existe o interesse do Timão, porém Gil tem contrato com o Shandong Luneng, onde é titular absoluto, até o final do ano.

    “Existe o interesse do Corinthians, mas está tudo igual. O clube precisa liberá-lo, pois ele tem contrato até o fim do ano. Li algumas coisas de que ele já teria rescindido, mas isso não é verdade. A princípio, a gente aguarda o final da temporada. Caso ele consiga ser liberado, o Corinthians vai entrar nessa briga com todo interesse”, afirmou o diretor de futebol do clube, Duílio Monteiro Alves.

    Timão pode ter baixa importante no ataque

    Enquanto a torcida sonha com o retorno de Gil, os dirigentes do Corinthians sabem que dificilmente conseguirão evitar a venda de pelo menos um atleta nas próximas semanas. A delicada situação financeira requer que o clube recorra a receitas extraordinárias para não comprometer a saúde do fluxo de caixa.

    Diante disso, o mercado sonda os melhores valores alvinegros. De concreto, somente uma proposta oficial de um clube mexicano pelo atacante Clayson, que vem sendo titular absoluto com Carille. Parece, no entanto, que a proposta do clube mexicano, cujo nome não foi revelado, não agradou aos dirigentes do Timão. O clube tem uma posição confortável com relação à situação de Clayson, pois o atacante tem contrato até dezembro de 2021.

    Clayson foi adquirido pelo valor de R$ 3,5 milhões e o Corinthians tem 40% de seus direitos econômicos. O Timão Web tentou apurar o valor da multa rescisória, mas não conseguiu obter a informação. O que se sabe é que a multa, na ocasião da aquisição pelo Corinthians junto ao Ituano, era de apenas R$ 10 milhões. Nesse caso, havendo uma venda, o Timão ficaria com R$ 4 milhões. São valores que em praticamente nada ajudariam as finanças corinthianas.

    Sondagens por Pedrinho e Gustavo

    Bem mais interessante, do ponto de vista financeiro, seria uma possível venda de Pedrinho. O meia corinthiano vem sendo um dos principais destaques da Seleção Brasileira Sub-23, que disputa o Torneio de Toulon. O Brasil fará a final do torneio contra a equipe do Japão. A partida decisiva será no próximo sábado, dia 15 de junho, às 11h.

    Contratação do Corinthians - Pedrinho

    A multa rescisória de Pedrinho é de 50 milhões de euros, equivalente a R$217,5 milhões. O Timão tem 70% dos direitos econômicos do jovem craque, o que corresponderia, em caso de venda pelo valor total da multa, a R$ 152,25 milhões. Em meados de 2018, o Ajax, da Holanda, tentou a compra de Pedrinho por 25 milhões de euro, oferta que foi prontamente recusada pelo Corinthians.

    A multa de Gustagol é semelhante à de Pedrinho, na faixa dos R$ 200 milhões. No entanto, é muito improvável que o Timão receba oferta tão alta, uma vez que o atacante vem ficando na reserva. De qualquer forma, pelo menos até aqui, o que se tem é muita especulação e algumas sondagens, de acordo com Duílio.

    “Até agora, são só sondagens e especulações, sem nenhuma proposta oficial. A gente sabe quando o mercado vem forte para comprar. Existe, sim, a possibilidade, embora a gente trabalhe para manter todo mundo. Caso o jogador não queira sair do Corinthians, vamos fazer todo esforço para mantê-lo, mas não existe nada por enquanto”, afirmou o dirigente.

    Política de contratações do Corinthians para o segundo semestre ainda é um mistério

    Exceto pelos fortes rumores envolvendo um possível retorno de Gil, a política de contratações do Corinthians para o segundo semestre ainda é um mistério. O foco, no momento, é consolidar o modelo de jogo de Carille. Mesmo campeão paulista, o Timão passou longe de agradar, pelo menos até aqui, na temporada.

    É bem verdade que vem evoluindo, mas mesmo essa evolução esbarra, naturalmente, em oscilações. Uma boa comparação seria a performance da equipe em duas partidas recentes, tendo, em ambas, sido derrotado. Contra o Flamengo, no Rio, pela Copa do Brasil, os comandados de Carille tiveram grande exibição e mereciam a classificação para as quartas de final. Já contra o Santos, quarta-feira, na Vila, o Corinthians apresentou futebol pobre e foi dominado.

    O projeto de Carille é aproveitar os 20 dias de treino que terá pela frente para dar consistência ao modelo de jogo, sobretudo dando sequência à evolução da parte ofensiva, verdadeira pedra no sapato do treinador.

    “Essa questão da parte ofensiva, a gente está com essa dificuldade desde o começo do ano. Essa será a minha busca de melhora na parada para a Copa América. Teremos uns 20 dias de trabalho para isso”, disse Carille após a derrota para o Peixe.

    Zagueiro deve ser prioridade

    Dentro dessa proposta, a comissão técnica, em conjunto com os dirigentes, deve estruturar a política de contratações do Corinthians para o restante da temporada. Por ora, um dos desafios é encaixar o atacante Everaldo, contratado recentemente, na proposta de jogo de Carille. Mesmo que Gil não venha, é bem provável que um zagueiro entre na pauta. O setor é considerado o mais carente do elenco. Quanto ao setor ofensivo, tudo vai depender mais do movimento na porta de saída.

    O Corinthians chega à metade da temporada com 12 pontos, ocupando posição intermediária no Campeonato Brasileiro. Deve-se levar em consideração, no entanto, que o clube teve uma partida adiada da sétima rodada contra o Goiás. Vencê-la ajudaria o Timão a se aproximar mais dos líderes, sobretudo porque o jogo será na Arena Corinthians.  Além disso, está nas oitavas de final da Copa Sul-Americana, competição pela qual enfrentará, no dia 25 de julho, o Montevideo Wanderers, do Uruguai.

    Contratações do Corinthians para 2019

    Afinal, quem já chegou em 2019:

    • Bruno Mendez (zagueiro)
    • Sornoza (meia)
    • Richard (volante)
    • André Luis (atacante – emprestado ao Fortaleza)
    • Michel Macedo (lateral)
    • Boselli (atacante)
    • Vagner Love (atacante)
    • Ramiro (meia)
    • Junior Urso (meia)
    • Régis (meia)
    • Manoel (zagueiro)
    • Gustagol (atacante – retorno de empréstimo)

    Enfim, quem já saiu em 2019:

    • Moisés (lateral)
    • Roger (atacante)
    • Danilo (meia)
    • Marquinhos Gabriel (meia)
    • Giovanni Augusto (meia)
    • Paulo Roberto (volante)
    • Junior Dutra (atacante)
    • Douglas Augusto (volante)
    • Marlone (meia)
    • Luidy (atacante)
    • Yago (zagueiro)
    • Léo Santos (zagueiro)
    • Jonathas (atacante)
    • Matheus Mathias (atacante)

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Jogadores do Corinthians comemoram gol na Arena
    Notícias do Corinthians
    Fabio Carille - Corinthians