Romero - Corinthians x Cruzeiro

    Corinthians abre vantagem sobre o Cruzeiro, mas leva gol em Itaquera

    Outra vez diante de um público pequeno em Itaquera, o menor da história do estádio, o Corinthians se esforçou para provar que ainda poderá dar alegrias à sua torcida em 2016. Na noite desta quarta-feira, a equipe iniciou duelo de quartas de final de Copa do Brasil com uma vitória por 2 a 1 sobre o Cruzeiro. Os gols corintianos foram de Léo, contra, e Romero, de cabeça, ambos no princípio do segundo tempo. Robinho descontou.

    Com o resultado, o Corinthians adquiriu a vantagem de poder empatar no jogo de volta contra o Cruzeiro e, ainda assim, avançar para enfrentar o vencedor do confronto entre Grêmio e Palmeiras nas semifinais do torneio nacional de mata-mata. O reencontro com o time mineiro será apenas na quarta-feira de 19 de outubro, no Mineirão.

    Antes de se preocupar com a Copa do Brasil, Corinthians e Cruzeiro voltarão a se concentrar no Campeonato Brasileiro. O time dirigido por Fábio Carille visitará o Botafogo no sábado, na Ilha do Governador, tentando melhorar a sua pífia campanha no segundo turno. O de Mano Menezes jogará contra o Grêmio no mesmo dia, no Mineirão, com a esperança de fugir da zona de rebaixamento.

    O jogo – Ambientado a Itaquera, onde comandou o Corinthians em 2014, o técnico Mano Menezes mandou o Cruzeiro à frente nos primeiros minutos de partida. A marcação sob pressão incomodou os donos da casa, que tinham dificuldades para trocar passes e alcançar a intermediária ofensiva.

    Quando finalmente se soltou, o Corinthians foi perigoso. Aos 15 minutos, Giovanni Augusto levantou a bola da direita, e Marlone brigou pelo alto. Na sobra, Rodriguinho ficou em ótima condição para abrir o placar, mas chutou por cima da meta.

    Não seria o único gol desperdiçado pelo meia, o principal responsável pela articulação corintiana, no primeiro tempo. Dez minutos mais tarde, Rodriguinho teve a chance de se redimir do lance anterior ao receber um bom passe de Marquinhos Gabriel, da esquerda, quase na mesma posição. Bateu de primeira, novamente mal e longe do alvo.

    Apesar das falhas, o Corinthians e a sua torcida se empolgaram com o volume ofensivo em Itaquera. Romero exagerou no entusiasmo. Aos 31, Marlone escorou de cabeça após cruzamento da direita, e o centroavante paraguaio (a exemplo do que já havia feito contra o Fluminense) tentou concluir de bicicleta. Errou.

    Os avanços do Corinthians ofereciam bons espaços para o Cruzeiro contra-atacar. Camacho até mostrava habilidade para conter o ímpeto adversário, com direito a uma sequência de chapéus, mas Balbuena e Yago se assustavam com as investidas de Robinho pela esquerda e principalmente de Rafael Sóbis pela esquerda.

    Foi pelo meio, contudo, a melhor oportunidade de gol cruzeirense no primeiro tempo. Aos 41 minutos, pouco depois de reclamar de um toque de mão de Camacho dentro da área, Willian passou fácil por Yago e soltou o pé da meia-lua. A bola acertou o travessão, as costas do goleiro Walter e saiu.

    Aquela rede de Itaquera balançaria não muito tempo mais tarde. Mas já no segundo tempo. Logo no primeiro minuto, Rodriguinho arriscou o chute de longe, e o goleiro Rafael deu rebote. Marquinhos Gabriel aproveitou para recolocar a bola na área da direita. Na disputa com Romero, Léo anotou o gol contra.

    Romero não precisaria reivindicar aquele gol para sair de Itaquera como o maior artilheiro do estádio. Aos oito minutos, o paraguaio acreditou em uma conclusão de Marlone, que iria para fora, e subiu com estilo para cabecear para a rede. Foi o 15º gol dele na arena da abertura da Copa do Mundo de 2014, igualando-se ao peruano Guerrero.

    Em desvantagem, o Cruzeiro se viu obrigado a ser mais ousado fora de casa e começou a esbarrar em boas intervenções de Walter. Mano Menezes tentou colaborar com a sua equipe, trocando o argentino Ariel Cabral pelo uruguaio Arrascaeta. Depois, substituiu Rafael Sóbis e Willian por Ramón Ábila e Alisson.

    Já Fábio Carille criou uma polêmica em Itaquera ao esboçar a sua primeira substituição. Chamou Willians para entrar em campo e causou revolta nos torcedores que estavam sentados no setor oeste, o mais caro do estádio. O volante, então, retornou para o banco de reservas, provocando uma vibração eufórica no mesmo público.

    A festa foi interrompida pelo Cruzeiro. Aos 32 minutos, o ex-palmeirense Robinho recebeu a bola de Ábila depois de Yago não cortar uma reposição de bola de Rafael e concluiu rasteiro e cruzado para diminuir a vantagem corintiana.

    Aí, sim, Willians entrou no lugar de Rodriguinho. Como a vantagem no placar já não era tão boa, Carille apostou também em Lucca e Rildo nas vagas do ovacionado Romero e de Marlone. Não adiantou. Sem a mesma força ofensiva do princípio da segunda etapa, o Corinthians teve de se contentar com a vitória pela diferença mínima.

    Veja Também

    Comments (13)

    1. Avatar
      Derisvaldo Lima

      Vai Corinthians e nós…

    2. Avatar
      Manoel Ricardo da Silva

      Mas ganho só precisa de um técnico pq esse é retranqueiro,senta ensima do resultado,para de atacar e chama o advesário pra cima do time,vsf!

    3. Avatar
      Andre Gonçalves

      Time ruim .. não cria, não ataca e para piora tática zero!bom culpa não é dos jogadores e sim da diretoria que visivelmente ai falta um zagueiro,um volante,um atacante de lado ,um meia central,e um centroavante !diretoria cega omissa veja aí até público dos jogos estão caindo querem pagar dívida mais tão esquecendo que sem um time bom não há patrocínios e nem torcida em peso no estádio! Tantos jogadores bons por aí veja no campeonato argentino lá tem 2 ou 3atacantes bons 1 ou2 meia bons no campeonato colombiano que tá revelando bons zagueiros e outra da base deviam usar pelo menos 59%da base no time principal.

      • Avatar
        Anderson Kampchen

        Teu cu sai daqui cara vc não é corinthiano…

      • Avatar
        Andre Gonçalves

        E ala apareceu um babaca esse aí é palmeirense !babaca país e livre todos temos direito opinião ou seja aprenda a respeitar !se não gostou vaza.

    4. Avatar
      Clesio Fernandes Brito

      Quando o Rodriguinho vai aprender a chutar ? Quando faltar 1 mês pra encerrar a carreira ?

    5. Avatar
      Elias Silva

      Corinthians jogou bem mas por favor nao coloca o william coloca o time pra frente

    6. Avatar
      Helio J. Dobrovolsky

      O Balbuena falha em todos os jogos.

    7. Avatar
      Eric Charles

      Na fase que tamos a vitória estar de bom tamanho… Vai CORINTHIANS!!!!

    8. Avatar
      Cledson Sousa

      Vamos torcer e apoiar ate o fim sempre seja qual for o resultado na vitoria ou na derrota e vamos acredita vamos classificar sim e vamos rumo ao tetra da copa do brasil 2016 e aos modinhas parem de criticas vamos apoiar se o time e limitado e a nossa força e apoio que eles precisam pra ter raça vamos acreditar sempre somos CORINTHIANS

    9. Avatar
      Renan Ribeiro Madeira

      Tá ótimo!
      Cada jogo um trabalho diferente, lá em BH vai ser outros 500

    10. Avatar
      Felipe Tozetti

      Eai que tomou gol ? So nao recuar o time em bh e partir pro ataque e fazer gol neles sem do pq eles vao sair pro ataque

    11. Avatar
      Willams Jefferson

      Tem q ser sofrido!!! Vamos classificar no sufoco!!! #vaicorinthians

    Comments are closed.