Corinthians ameaça não entrar em campo se tiver torcida no Rio de Janeiro

Andres Sanchez - Corinthians
Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Uma notícia na última sexta-feira, 18, pegou a todos de surpresa: a prefeitura do Rio de Janeiro liberou presença de público nos estádios à partir de 4 de outubro.

A medida seria para Flamengo x Athletico-PR, pelo Campeonato Brasileiro, que limitaria em 33% a capacidade do estádio do Maracanã para a presença de torcedores.

No entanto, o Corinthians ameaça não entrar em campo se a presença de torcedores não for para todos os jogos, prevalecendo a isonomia das competições esportivas.

Para a volta do público, a CBF precisa dar o aval. O estado do Rio de Janeiro, que viu aumento dos casos recentes de Covid-19, foi o primeiro estado a definir data de liberação dos torcedores no estádio.

Notícia Anterior
Cazares

Meia do Atlético-MG fica próximo de acerto com o Corinthians

Próxima Notícia
Juan Cazares - Atlético-MG - Corinthians

Corinthians acerta com Cazares e detalhes separam o anúncio