Corinthians bate Patriotas com time alternativo e avança na Sul-Americana

    • Paulo Whitaker/Reuters

      Corinthians venceu com gol de Balbuena e vai às oitavas da Sul-Americana

      Corinthians venceu com gol de Balbuena e vai às oitavas da Sul-Americana

    O Corinthians sofreu alguns sustos nesta quarta-feira à noite, mas conseguiu avançar na Copa Sul-Americana. Com o apoio de 34 mil torcedores, o time alvinegro derrotou o Patriotas, da Colômbia, por 2 a 0, gols de Balbuena na primeira etapa e Pedrinho no segundo tempo.

    A vitória em Itaquera com um time alternativo levou a equipe de Fábio Carille às oitavas de final da competição – na partida de ida, os corintianos arrancaram um empate por 1 a 1 no último minuto, também com Balbuena. Hoje, o garoto Pedrinho, que entrou na etapa final, também balançou a rede após um toque por cima do goleiro.

    O Corinthians, agora, aguarda o vencedor do confronto entre Independiente Medellín-COL e Racing-ARG. Os times se enfrentam na Colômbia nesta quinta-feira. No jogo de ida, a equipe argentina venceu por 3 a 1. O primeiro confronto das oitavas será disputado na segunda quinzena de agosto.

    No próximo domingo, o time recebe o Flamengo em Itaquera em partida válida pela 17ª rodada do Brasileirão. A equipe alvinegra deve ter de volta o quarteto Fagner, Rodriguinho, Romero e Jô, que atuou pouco mais de 15 minutos nesta quarta.

    O melhor: Balbuena

    Alan Morici/Framephoto/Estadão Conteúdo

    De novo ele. O zagueiro paraguaio marcou mais uma vez contra o Patriotas e confirmou a ótima fase que vive no Corinthians. Já são cinco gols em 37 partidas na atual temporada.

    O pior: Murillo

    O lateral direito do time colombiano teve muitas dificuldades para avançar ao campo de ataque. Na parte defensiva, também deixou a desejar ao dar liberdade a Clayton pelo setor.

    Giovanni pelo meio e Marquinhos aberto

    Daniel Vorley/AGIF

    Líder do Brasileirão com oito pontos de vantagem sobre o Grêmio, o Corinthians entrou em campo com quatro reservas: Léo Príncipe, Marquinhos Gabriel, Clayton e Kazim. Fagner, com dores no joelho, chegou a ser relacionado, mas ficou fora do banco de reservas.

    Rodriguinho e Romero nem entraram na lista do jogo. Jô, por sua vez, ficou como opção para o segundo tempo. Com isso, Giovanni Augusto atuou centralizado na linha de três do 4-2-3-1, com Marquinhos à direita e Clayton à esquerda. Na etapa final, Pedrinho e Jô entraram nos lugares de Clayton e Giovanni Augusto, respectivamente.

    Clayton perde chance no começo

    Daniel Vorley/AGIF

    A primeira grande chance da partida foi do Corinthians. Aos 14 minutos, Giovanni Augusto alçou a bola na área e viu Clayton levar a melhor sobre o zagueiro do Patriotas. O camisa 9, entretanto, chutou por cima do gol mesmo livre na área.

    Balbuena, de novo, vai às redes

    O camisa 4 do Corinthians abriu o placar em Itaquera depois de mais uma jogada pelo alto. Aos 27, Maycon cobrou escanteio pelo lado esquerdo. Balbuena subiu livre no meio da área e cabeceou no canto do goleiro. Balbuena marcou pela quinta vez em 2017: fez contra o Patriotas (no primeiro jogo), Cruzeiro, Bahia e Fluminense.

    Kazim não aproveita a oportunidade

    Daniel Vorley/AGIF

    Na véspera da partida, Kazim pediu mais chances no time do Corinthians. Titular nesta quarta-feira, o atacante turco pouco produziu em campo. No segundo tempo, a 11 minutos do término do jogo, Kazim foi substituído por Carille, que optou pela entrada de Camacho.

    Patriotas se anima no 2º tempo e pressiona

    Depois de criar uma chance clara na primeira etapa, o Patriotas voltou com uma postura mais ofensiva nos últimos 45 minutos. Logo no começo do segundo tempo, Vásquez escapou pela esquerda e cruzou rasteiro. A bola passou por toda a área. Em seguida, Valoyes disputou a bola com Balbuena e arrumou um escanteio.

    Sem criatividade, restou aos colombianos a bola alta na área, sempre neutralizada pelo Corinthians. Aos 43 minutos, mais um susto. Vázquez escapou pela direita, invadiu a área e tocou para trás. Pedro Henrique, porém, conseguiu travar o chute.

    Menino Pedrinho mata o jogo

    O jovem de 19 anos conseguiu marcar o primeiro gol com a camisa do Corinthians depois de 13 partidas. E foi um golaço. Pedrinho, que entrou no lugar de Clayton aos 18 do segundo tempo, recebeu a bola pela direita e tocou por cima do goleiro do Patriotas.

    Invencibilidade vai além

    Com o resultado, o Corinthians manteve a fase sem derrotas na temporada. Agora, são 31 partidas de invencibilidade corintiana, com 19 vitórias e 12 empates – já é a segunda maior da história do clube, similar à de 1936/1937 (em 1957, o time ficou 37 jogos sem perder). O último revés alvinegro deu-se há 129 dias, contra a Ferroviária (1 a 0), em Araraquara, pelo Campeonato Paulista. 

    Mais um bom público em Itaquera

    Nelson Almeida/AFP

    Apesar de o jogo desta quarta ter sido válido pela Copa Sul-Americana, a torcida do Corinthians manteve a média de público dos últimos jogos do Brasileirão. Com mais de 30 mil pessoas em Itaquera, o clube conseguiu ultrapassar essa marca pela 13ª vez seguida.

    Agora, de volta ao Brasileirão

    Depois de garantir a vaga nas oitavas da Sul-Americana, o Corinthians volta a pensar no Campeonato Brasileiro. O time de Carille recebe o Flamengo em Itaquera no próximo domingo, em jogo válido pela 17ª rodada da competição. Até aqui, a equipe acumula 12 vitórias e quatro empates.

    FICHA TÉCNICA

    CORINTHIANS 2 x 0 PATRIOTAS-COL

    Data: 26 de julho de 2017, quarta-feira
    Horário: 21h45 (de Brasília)
    Competição: Copa Sul-Americana (partida de volta da segunda fase)
    Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
    Público: 34.472 (pagante) e 34.808 (total)
    Renda: R$ 1.593.595,90
    Árbitro: Roberto Tobar (CHI)
    Auxiliares: Raul Orellana e Edson Cisternas (ambos do CHI)
    Cartão amarelo: Cabezas (Patriotas)

    Gols: Balbuena, aos 27 minutos do primeiro tempo, e Pedrinho, aos 45 minutos do segundo tempo.

    CORINTHIANS: Cássio; Léo Príncipe, Balbuena, Pedro Henrique e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Giovanni Augusto (Jô), Marquinhos Gabriel e Clayton (Pedrinho); Kazim (Camacho). Técnico: Fábio Carille.

    PATRIOTAS: Álvaro Villete; Jesús Murillo, Danilo Arboleda, Óscar Cabezas e Nicolás Carreño; Larry Vásquez e Rafael Robayo; Edis Ibargüen, Omar Vázquez e Mauricio Gómez; César Valoyes. Técnico: Diego Corredor.

    Veja Também

    Notícias do Corinthians

    Comments (6)

    1. Avatar
      Likapancadao Lika

      Noisx so vence papai ta ligado

    2. Avatar
      Carlinha Yasmin

      Aqui tem Timao

    3. Avatar
      Francisco Pereira De Almeida Almeida

      Super corintians.

    4. Avatar
      Cezar Castillo

      Projeto Crefisa Real Madrid da América 2017:

      ❌ Copinha

      ❌ Paulista

      ❌ Diego Souza

      ❌ Copa do Brasil

      Brasileiro

      Libertadores

      Mundial

      #Eliminados #ChupaPalmeiras

    5. Avatar
      Wladimir Kreinski

      Pior ainda é esse Cleiton…que horror. Errou um gol na cara e não deu um passe certo.

    6. Avatar
      Jonas Tauffer

      Kazim pegue seu carisma e vai chutar bunda de Elefante…. O bicho triste de ver em campo!

    Comments are closed.