Corinthians na Copinha: a melhor campanha da história

    O ano de 2012 foi muito especial para todo corinthiano: o primeiro título da Libertadores e o segundo Mundial de Clubes da Fifa da história. Antes de tudo isso, no entanto, o ano começou com a Copa São Paulo de Futebol Júnior.

    O Alvinegro ficou no Grupo M, em Jaguariúna, no Estádio Alfredo Chivegato. A estreia dos comandados do técnico Narciso – que tinha Matheus Vidotto, Denner, Giovanni, Marquinhos e Antônio Carlos entre outros – aconteceu em 4 de janeiro, diante do Santos-PB. O Timãozinho não tomou conhecimento do adversário e goleou por 9 a 0 – Denner, Giovanni, Matheuzinho (2x), Leandro (3x) e Gomes (2x) anotaram os gols.

    Na segunda rodada, o Coringão conquistou a segunda vitória. No dia 7 de janeiro, a equipe venceu a Desportiva Ferroviária por 2 a 0 (gols de Jean Teodoro e Leandro) e garantiu vaga na segunda fase com uma rodada de antecedência. O jogo diante do Juventus, na última rodada, em 10 de janeiro, decidiria o líder da chave. Denner, Anderson e Douglas anotaram e o Corinthians superou a equipe da Mooca por 3 a 0.

    O adversário na segunda fase foi o Goiás, no dia 14, em Jaguariúna. Em jogo duro, Matheuzinho fez o único gol do jogo e o Timão venceu por 1 a 0.

    No dia 17 de janeiro, pelas oitavas de final, ainda em Jaguariúna, o Corinthians encarou o Primeira Camisa e venceu com mais tranquilidade. Gomes, Leonardo (2x) e Douglas (2x) balançaram a rede e os comandados do técnico Narciso golearam por 5 a 1.

    Pelas quartas de final, no dia 19 de janeiro, mais uma vez em Jaguariúna, o Coringão teve pela frente o América-MG. Com gols de Matheuzinho e Leandro, o Alvinegro saiu com a vitória por 2 a 0 e vaga na semifinal garantida.

    Uma reedição da finalíssima de 2009 marcou a semifinal daquele ano. Três anos antes, o Corinthians venceu o Atlético-PR por 2 a 1 e sagrou-se campeão pela sétima vez da Copinha. Agora, na semifinal, o Timãozinho não tomou conhecimento do adversário e goleou por 6 a 0 – Giovanni (2x), Douglas (3x) e Matheuzinho anotaram os tentos.

    Na grande decisão o Alvinegro teve pela frente o segundo maior campeão da Copa São Paulo, com cinco títulos: o Fluminense. Depois de um primeiro tempo sem gols, os cariocas abriram o placar com Michael, aos quatro minutos. O zagueiro Antônio Carlos deixou tudo igual, aos 24 minutos. Quando tudo se encaminhava para mais uma decisão nos pênaltis, Antônio Carlos fez o segundo, aos 44 minutos, e deu o oitavo título da Copinha para a Fiel, no Pacaembu.

    O melhor campeão
    Com uma campanha perfeita, de oito jogos e oito vitórias, o Timãozinho de 2012 foi o que conquistou a melhor campanha da história da Copa São Paulo. Foram 30 gols anotados (média de 3,75 por jogo) e apenas dois sofridos (média de 0,25 por jogo).

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Henrique
    Notícias do Corinthians