Danilo supera vaias, vira referência e defende Alex, novo alvo da torcida

    No Corinthians há mais de duas temporadas, o meia Danilo é hoje uma referência na equipe do técnico Tite. Apesar dos reforços contratados para o setor ofensivo, caso de Douglas, o atleta de 32 anos obteve o status de titular absoluto neste início de 2012. Mais do que isso, virou o artilheiro do time na temporada, com três gols (dois no Paulista e um na Libertadores).

    Devido ao seu estilo de jogo, Danilo por diversas vezes ouviu vaias da torcida, ainda mais por ter uma identificação com o rival São Paulo, onde atuou até 2006. Agora, a insatisfação de torcedores está direcionada a outro meia, Alex.

    “Acho que jogador de qualidade no passe, que controla a bola, segura o jogo, pensa, cava falta, todo time precisa de um cara dessa forma. Hoje tem eu e o Alex, meias com essas características, e ainda tem o Douglas, que fica mais com a bola no pé”, comentou o camisa 20.

    Questionado sobre a má fase de Alex, respondeu. “Ele vem jogando bem, ajudando bastante. Futebol é assim, às vezes um está melhor que outro e depois muda, mas para o grupo ele ajuda bastante.”

    Tite falou também sobre as frequentes cobranças que Danilo sofre por parecer lento em campo. “Ele é um jogador de força, qualidade técnica, cabeceio e assistência. Quer pegar um jogador elétrico, não é ele. Busca o Jorge Henrique então. Cobram porque ele tem essa característica, de armação. É um cara que erra e absorve o erro, sabe jogar com a pressão”, comentou, destacando a frieza do meio-campista.

    Em 113 partidas pelo Timão, Danilo anotou dez gols. Neste ano, balançou as redes três vezes no Pacaembu: na vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo, na virada por 2 a 1 sobre o Catanduvense e nos 2 a 0 sobre o Nacional, na última quarta-feira.

    “Não só eu, mas todo mundo tem uma identidade boa com a torcida. A gente se doa ao máximo, rala mesmo, e com o jeito que está com a torcida a tendência é o time ficar mais forte ainda”, apontou o atleta natural São Gotardo (MG).

    Reportagem: UOL

    Veja Também

    Notícias do Corinthians