Edu Dracena admite incômodo com reserva e pede sequência no Corinthians

    O zagueiro Edu Dracena assumiu estar chateado com a condição de reserva no Corinthians. Em entrevista coletiva concedida no CT Joaquim Grava nesta segunda-feira, o beque de 34 anos de idade disse respeitar Felipe, atual titular ao lado de Gil, mas pediu uma sequência de partidas na equipe principal.

    – É ruim passar por uma situação dessa. É a primeira vez que isso acontece na minha carreira. Mas estou passando e respeito todos os jogadores e comissão técnica. Mas eu quero jogar, vim aqui pra jogar, não para passear. Vim para construir uma história no Corinthians assim como fiz em outros clubes que passei. Tomara que eu consiga uma sequência. Se não der, continuarei trabalhando da mesma forma – comentou o defensor.

    Edu Dracena foi apresentado no Corinthians no fim de janeiro. Até então, o zagueiro estava no Santos, onde foi capitão e conquistou o Campeonato Paulista (três vezes), a Copa do Brasil, a Libertadores e a Recopa Sul-Americana.

    Na estreia do time no Brasileirão, o técnico Tite preferiu poupar os titulares e, portanto, escalou Dracena contra o Cruzeiro. No último sábado, contra a Chapecoense, o veterano voltou a jogar, desta vez por conta de dores nas costas de Felipe.

    Questionado se tem ideia dos motivos que o fazem amargar a reserva na equipe de Tite, o zagueiro deu seus pitacos:

    – Cheguei depois, atrasado, não fui à pré-temporada nos Estados Unidos. O Felipe aproveitou a oportunidade, jogando muito bem. E também tem a escolha do treinador. Demorei um pouco para me adequar ao estilo do Tite, do Corinthians. E também falta a sequência de quatro, cinco jogos para que eu possa cumprir a expectativa criada lá atrás com a minha contratação. Mas respeitamos sempre quem vem jogando – afirmou.

    FORÇA DO ELENCO

    Seja com Felipe, seja com Edu Dracena, o Corinthians é favorito ao título do Campeonato Brasileiro. Ao menos é que diz o experiente defensor. O Timão é líder do Nacional, com duas vitórias nas duas primeiras rodadas. Dracena foi titular em ambas.

    – Acredito que sim. Tem elenco. Há reservas que podem ser titulares em qualquer outra equipe. Prova disso é que os reservas ganharam do Cruzeiro, e isso vai fazer diferença no final. Vejo o Corinthians forte pelo título e depois pela vaga na Libertadores – avaliou o zagueiro.

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Notícias do Corinthians