Elogiado e em evolução, Imperador deve ser titular diante do Santos

    A evolução física e técnica de Adriano, que começou nas duas primeiras semanas de fevereiro com sete dias de reclusão no CT – concentrou sozinho e treinou em até três períodos – continua. Na última quinta-feira, o Imperador treinou bem, sob calor de 31°C, procurou jogo, pediu bola, reclamou dos companheiros, arrancou elogios da comissão técnica e abriu espaço para começar jogando o clássico de domingo, contra o Santos, na Vila Belmiro.

    “Adriano está muito bem, evoluindo bem, indo cada vez melhor. Desde a época em que ficou uma semana fechado no CT, tem evoluído cada vez mais. Está liberado, só depende de Tite”, disse ao LANCENET! o preparador físico Fábio Mahseredjian, que faz algumas ressalvas:

    “Ele precisa avançar em três aspectos: diminuir o peso, melhorar o condicionamento físico e aumentar a força na perna esquerda. Isso vai melhorar sua performance.”

    Mahseredjian só não responde – ainda – se é possível Adriano jogar como titular em dois jogos seguidos com intervalo curto de recuperação, como domingo e quarta-feira:

    “Quando joga em sequência, depende da recuperação. Contra o São Caetano, ele não havia jogado o jogo todo e teve uma semana depois para o próximo. Nesse último jogo (contra o Botafogo-SP), ficou os 90 minutos. O jogo foi sábado, mas na terça ele ainda estava cansado. Vamos esperar um pouco para ver suas reações.”

    O fisioterapeuta Bruno Mazziotti, um dos responsáveis pela reabilitação e a volta de Ronaldo aos campos entre o fim de 2008 e início de 2009, também elogiou o atacante.

    Além do clássico de domingo, há preocupação no Corinthians com relação à partida de quarta-feira, pela Copa Santander Libertadores. Como Liedson foi titular na quarta-feira e Tite pretende utilizá-lo contra o Nacional (PAR), Adriano deve começar contra o Santos, na Vila.

    Reportagem: Lance!

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Ao Vivo
    Notícias do Corinthians