Jogadores do Corinthians

Em ano de invencibilidades perdidas, Timão tenta ‘preservar’ a de clássico

07/11/2018 - 08:47 | Fonte: Lance!


Em sua pior temporada na Arena desde a sua inaugurada em 2014, o Corinthians já viu três invencibilidades no local caírem. Neste ano, Grêmio, Flamengo e Cruzeiro derrotaram o Timão em Itaquera pela primeira vez. O próximo adversário que tentará vencer de forma inédita no estádio será o São Paulo no Majestoso deste sábado, às 17h, pela 33ª rodada do Brasileirão.

O Corinthians já recebeu o São Paulo oito vezes na Arena, com seis vitórias e dois empates. A invencibilidade é valorizada no Timão.

– A Arena pode fazer total diferença, nunca perdemos para o São Paulo lá. Nosso torcedor nos ajuda a empurrar o time, nunca nos deixa de apoiar. Independentemente da nossa situação, sabemos a dificuldade de jogar na Arena, é diferente, os adversários comentam. Vamos tentar usar essa carta na manga a nosso favor – disse o zagueiro Léo Santos.

Tabus quebrados

Primeiro time a quebrar o tabu na Arena em 2018, o Grêmio venceu o Corinthians por 1 a 0 pela 19ª rodada do Brasileirão. Antes, tinha enfrentado o Timão em Itaquera cinco vezes, com três derrotas e dois empates.

Já o Flamengo venceu pela primeira vez em sua quinta visita a Itaquera. A equipe carioca tinha perdido três partidas e empatado uma, mas conseguiu vencer por 3 a 0 pela 28ª rodada do Brasileirão.

Por fim, o Cruzeiro conquistou sua primeira vitória na Arena Corinthians na final da Copa do Brasil, por 2 a 1. Antes, a equipe mineira tinha cinco jogos em Itaquera, com quatro derrotas e um empate.

Ao todo nesta temporada, o Corinthians perdeu outras quatro vezes em sua casa. São Bento, Independiente (ARG) e Millonarios (COL) estrearam na Arena já com vitória, enquanto o Palmeiras derrotou o Timão pela terceira vez em Itaquera.

O Corinthians atuou 32 vezes na Arena nesta temporada, com 18 vitórias, sete empates e sete derrotas, somando um aproveitamento de 63,5%. É o pior desempenho desde a inauguração de 2014. Relembro abaixo:

2017: 20 vitórias, 11 empates e 3 derrotas – 69,6% de aproveitamento

2016: 24 vitórias, 8 empates e 2 derrotas – 78,4% de aproveitamento

2015: 26 vitórias, 6 empates e 3 derrotas – 80% de aproveitamento

2014: 12 vitórias, 5 empates e 1 derrota – 75,9% de aproveitamento