Romero durante treino do Corinthians

    Era de gringos no Corinthians vai chegando ao fim

    Nos últimos anos a equipe do Corinthians vem utilizando o mercado sul-americano para reforçar seu elenco. Jogadores importantes dos países vizinhos marcaram época no Timão, como Tevez, Mascherano e Paolo Guerrero.

    Salvo alguns nomes que nunca vingaram, como Johnny Herrera, Defederico e Sebá Dominguez, o Timão sempre seguiu com sotaque espanhol em seu CT.

    Você se lembra quando foi o último gol marcado pelo Corinthians?

    Porém, a tendência é de ver o número de estrangeiros bastante reduzido no elenco corinthiano após a Copa América.

    Romero e seu fim melancólico no Timão

    Com negociação para renovação de contrato se arrastando por todo o ano de 2018, o maior artilheiro da história da Arena Corinthians vê seu contrato chegar ao fim. Sem jogar desde dezembro do ano passado, Romero tem contrato até 14 de julho.

    Embora sempre peça-chave em seus 222 jogos e 38 gols com a camisa do Timão, o atacante paraguaio, por decisão da diretoria, não foi utilizado na temporada e deixará o clube sem custos.

    Diaz e Araos: de esperança a decepção

    Embora tenham sido dois jogadores que eram as principais apostas da diretoria de deslancharem no Corinthians, o paraguaio Sergio Diaz e o chileno Angelo Araos nunca emplacaram.

    Araos e Diaz durante treino do Corinthians
    Araos e Diaz durante treino do Corinthians (Foto: Ag. Corinthians)

    Diaz, que veio por empréstimo do Real Madrid B, terá seu contrato rescindindo e deve acertar com o Cerro Porteño, do Paraguai. Já Araos, contratado por R$ 17 milhões de reais junto a Universidad de Chile, deverá ser emprestado a algum clube brasileiro para o restante da temporada.

    Os gringos que ficam

    A menos que algo fora do planejado aconteça nessa janela de transferência, dos seis ‘gringos’ do elenco, três seguirão no clube: Sornoza (Equador), Bruno Mendez (Uruguai) e Mauro Boselli (Argentina).

    De fato Sornoza já consolidou sua situação no elenco. Sempre utilizado, é constantemente titular. Bruno Mendez ganhou suas primeiras chances no Timão e foi muito elogiado.

    Todavia, Boselli ainda continua devendo. O camisa 17 vem perdendo cada vez mais espaço com Fábio Carille e rumores de um possível retorno ao futebol mexicano surgiram.

    Aliás, a diretoria segue em busca de contratações do Corinthians para 2019. Será que vem novo ‘gringo’ por aí?.

    Veja Também