Força da Fiel faz Maranhão alertar colegas do Cruz Azul

    O meia-atacante Maranhão, único brasileiro que compõe o elenco do Cruz Azul, alertou seus companheiros da força que o Corinthians tem no Pacaembu. Em entrevista á imprensa mexicana, o zagueiro Jair Pereira revelou que o ex-jogador do Bahia alertou quanto à força da Fiel.

    “Maranhão comentou que a torcida do Corinthians é uma das melhores do país, que não devemos ter medo do estádio. Isso não deve nos preocupar porque vamos lá jogar nosso futebol”, afirmou o defensor, que comentou sobre como ganhar da equipe de Tite nesta quarta-feira.

    “É fundamental ficar com a bola porque teremos um adversário rápido, que jogará em sua casa e tratará de aproveitar todas as vantagens. Temos que esquecer o Campeonato Mexicano e as últimas derrotas, até porque estamos bem na Libertadores”, completou Jair, lembrando dos insucessos diante de Chivas e Santos Laguna.

    Vale lembrar que, em 2011, Maranhão atuou pelo Bahia durante todo Campeonato Brasileiro. No confronto com o Timão no Pacaembu, vitória alvinegra, por 1 a 0 (gol de Emerson). Em entrevista exclusiva ao LANCENET!, concedida antes do confronto de ida, no México, o meia-atacante confidenciou que é são-paulino fanático, fã de Rogério Ceni e Hernanes. Ele só tem 21 anos.

    Para o argentino Christian Giménez, acostumado ao clima do futebol sul-americano, a equipe irá enfrentar um clima fora de campo completamente diferente do que se vê no México. Meia, mesmo com uma lesão no ombro, deve jogar nesta quarta-feira.

    “Foi ruim perder no campeonato mexicano (para o Santos Laguna), mas temos uma linda oportunidade para mostrar nosso futebol. A recepção da torcida na América do Sul é hostil, mas é algo que não nos deve assustar. Pelo contrário, isso tem que nos motivar, saber que temos um rival complicado é uma grande chance que temos de provar que estamos bem”. afirmou “Chaco”, como é conhecido no país.

    No embarque para o Brasil, o desejo de virar a chave e pensar apenas na competição sul-americana fez parte do discurso de todos os jogadores.

    “Temos que levantar a cabeça e partir para esse novo desafio, que não será nada fácil”, lembrou Emanuel Villa.

    Reportagem: Lance!

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Notícias do Corinthians