Garantidos na semi, corintianos não querem escolher adversário

    O adversário do Corinthians nas semifinais da Taça Libertadores ainda não foi definido, mas para os jogadores do Timão isso é indiferente. Após a vitória por 1 a 0 diante do Vasco da Gama (assista aos melhores momentos no vídeo ao lado), nesta quarta-feira, no Pacaembu, e que rendeu a classificação da equipe, os alvinegros pregaram que, para ser campeão, não se pode escolher com quem jogar.

    São três possibilidades de oponente na próxima fase. Caso o Santos vença o Vélez Sarsfield-ARG, nesta quinta, o duelo será brasileiro. Se os argentinos vencerem, eles passam para o lado de lá da chave e pegam o Boca Júniors, que se classificou após vitória diante do Fluminense, nesta quarta. Desta forma, o adversário do Corinthians sai do confronto entre Universidade do Chile e Libertad-PAR.

    – Nessa fase em que estamos na Libertadores, nós não temos como escolher adversário. Todos são times difíceis. Temos que jogar de igual para igual com quem vier – explica Ralf.

    Por mais que se recusem a escolher adversário, o Santos é um que vem complicando a vida dos corintianos nos últimos tempos. No Paulistão do ano passado, por exemplo, o Peixe venceu o Timão na decisão.

    Mesmo assim, Alex não se incomoda em encontrar pela frente o time da Vila Belmiro. Para ele, o principal é definir a participação na Libertadores no Pacaembu. Por ter ficado na segunda colocação geral, o Alvinegro jogará a volta da semifinal e de uma possível decisão em seu estádio.

    – Não dá para escolher o adversário. Estamos fazendo o nosso trabalho e queremos decidir em casa. Mas não podemos escolher muita coisa. Todo time que tem um Neymar, um Messi, um Cristiano Ronaldo vai ser mais perigoso. Esses jogadores são os diferenciais, mas não é algo que vamos temer – disse Alex.

    A definição sairá nesta quinta-feira, quando acontece as últimas partidas das quartas de final.

    Reportagem: Globo Esporte

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Notícias do Corinthians