‘Herói improvável’, Giovanni Augusto se emociona após gol e dedica momento ao filho

    Uma campanha nos pontos corridos normalmente reúne diversos heróis pontuais, que ajudam o clube a fazer pontos apesar de pouco atuarem. Na noite desta quarta-feira, o Corinthians descobriu um nome em seu elenco que pode receber essa alcunha após a vitória por 1 a 0 sobre o Atlético-PR, na Arena da Baixada: o meia Giovanni Augusto, autor do único gol da partida.

    Acionado por ser uma das poucas opções de armação no banco de reservas do técnico Fábio Carille, o camisa 17 voltou a balançar a rede após pouco mais de um ano sem conseguir marcar gols com a camisa corintiana. Apenas a quinta opção no seu setor, ele não anotava um tento desde o empate por 1 a 1 contra a Chapecoense, no dia 29 de outubro do ano passado, em Itaquera.

    “Fico feliz pelo professor ter acreditado em mim, o Corinthians vir aqui e conquistar os três pontos que vão ser muito importantes nessa caminhada. Foi o mais importante”, comentou o jogador, bastante animado com a participação essencial na campanha corintiana.

    Saiba mais:

    O que foi dito no vestiário do Palmeiras

    Guerrero rompe o silêncio após suspensão

    Edmundo critica postura de gigante brasileiro

    “Queria dedicar ao meu filho Vitório, que com certeza está assistindo, te amo, essa foi para você”, declarou o atleta, contratado em janeiro do ano passado, mas que não conseguiu desempenhar até o momento o mesmo futebol de quando defendia Figueirense e Atlético-MG.

    “Olha, não sou nenhum menino, sei como funcionam as coisas no futebol. Não se pode relaxar nem acomodar, foi o que eu procurei fazer nesse tempo fora, treinar, me dedicar”, concluiu o meio-campista, uma das opções da equipe para o duelo contra o Avaí, às 19h (de Brasília) do sábado, em Itaquera.

    Com 65 pontos conquistados, o Timão tem oito de vantagem para o Grêmio, agora segundo colocado de forma isolada. Além do Avaí, os próximos rivais da equipe são Fluminense, em casa, Flamengo, no Rio de Janeiro, Atlético-MG, em casa, e Sport, na última rodada, como visitante.

    Veja Também