Jabá fala sobre saída do Corinthians e vida na Rússia: “Decisão difícil”

    • Marcello Zambrana/AGIF

      Jabá marcou apenas um gol pelo Corinthians, no Paulistão, contra o Linense

      Jabá marcou apenas um gol pelo Corinthians, no Paulistão, contra o Linense

    O atacante Léo Jabá vive uma fase diferente na carreira depois de deixar o Corinthians há pouco mais de um mês. Na Rússia, o atacante de 19 anos busca a adaptação e, neste começo, consegue apresentar bom desempenho como titular do Akhmat Grozny.

    Autor de dois gols em cinco jogos, Jabá concedeu entrevista ao UOL Esporte e falou sobre a saída repentina do clube que o revelou para o futebol – no Corinthians, o jogador entrou em campo 19 vezes e foi às redes apenas uma vez.

    “A decisão de deixar o Corinthians foi tomada em comum acordo com meus pais e empresários. Foi uma decisão difícil, pois estava no clube desde pequeno. Era minha rotina ir para o treino, ficar com os meus amigos, tinha um bom ambiente ali”, disse o atacante.

    Jabá subiu ao elenco profissional do Corinthians na reta final da temporada passada. Em 2017, passou a ter mais chances na equipe depois da chegada de Fábio Carille. Apesar disso, o atacante não entrou em campo com tanta frequência. Na Rússia, a sequência virou realidade. Além disso, o jogador passou a atuar em uma posição distinta.

    “Não é que faltaram mais chances. É que a forma de jogar é diferente, estou jogando mais perto da área onde eu não tenho que marcar tanto, como no Corinthians. Além disso, tem a oportunidade de sequência de jogos. Aqui estou tendo isso, mas não tem como falar de falta de chances no Corinthians. Estou feliz aqui e é vida que segue”, ressaltou.

    Liga Europa é uma meta

    De acordo com Jabá, o projeto apresentado pelo Akhmat também pesou na decisão de deixar o Corinthians. “Nosso time tem como meta se classificar para a Liga Europa. A liga aqui é forte e os jogos são bem truncados”, contou o atacante, que foi titular em todas as partidas do time no Campeonato Russo.

    O Akhmat estreou na competição com uma vitória por 1 a 0 sobre Amkar. Jabá marcou o gol da equipe russa, que emendou mais dois triunfos. Nas últimas duas rodadas, o time do brasileiro acabou derrotado.

    Longe do Brasil e dos pais, Jabá conta com a convivência com quatro brasileiros do elenco do Akhmat: o zagueiro Philipe Sampaio, além de os meias Ravanelli, Rodolfo e Ismael Lima. 

    “Hoje estou longe dos meus amigos e familiares, mas foi o caminho que escolhi para a minha vida. Tem um mês que estou aqui e a adaptação está vindo aos poucos. Fico aqui com outros brasileiros, o que ajuda também. Por enquanto, eu estou sozinho, mas meus pais em breve estarão aqui comigo”, ressaltou Jabá.

    Veja Também