‘Messi do Terrão’ diz ter conversado com Deus antes de marcar primeiro gol

    O atacante Pedrinho enfim comemorou o seu primeiro gol como jogador profissional. Na 14ª partida pelo Corinthians, o prata da casa de apenas 19 anos acabou com a ansiedade ao fechar o placar na vitória por 2 a 0 sobre o colombiano Patriotas, nesta quarta-feira (26 de julho), em Itaquera. O resultado assegurou a classificação às oitavas de final da Copa Sul-Americana.

    “É uma sensação única. Estava dizendo para o meu pai e para minha mãe que, em alguma hora, o gol sairia. Também conversei com Deus no ônibus, vindo para cá. Falei que o gol sairia no momento dele, que esperava que fosse hoje”, contou o sorridente Pedrinho, ainda dentro de campo.

    Não era somente o atacante que vivia a expectativa de balançar as redes. Destaque na conquista da Copa São Paulo de Juniores no início do ano, Pedrinho tem sido bastante festejado pelos torcedores do Corinthians, que compartilhavam do seu sentimento. Foi para os braços deles que o garoto correu após encobrir o goleiro Villete nesta noite.

    Saiba mais:

    PSG está irritado com Neymar

    Coutinho perto do Barça

    Podolski: “Vamos, Flamengo”

    “A cada vez que a torcida grita o meu nome, é uma satisfação enorme. Sempre entro em campo disposto a dar o meu máximo para retribuir esse carinho. Graças a Deus, pude dar um tapa com categoria na bola hoje. O gol foi para essa torcida que me apoia”, dedicou Pedrinho, antes de aumentar a sua lista de homenageados. “Deus é maravilhoso na minha vida. Também agradeço a Ele, à minha família, à minha namorada e a todos de Maceió”, concluiu o alagoano.

    Incentivo do elenco

    Os jogadores mais experientes do Corinthians vibraram bastante com o gol de Pedrinho. “A gente gosta de demonstrar a alegria que tem fora de campo nesses momentos”, disse o zagueiro Balbuena, que abriu o placar contra o Patriotas. “O Pedrinho tem um grande potencial. Ele trabalha pra caramba e fez o gol merecidamente. O gol saiu até um pouco tarde. Poderia ter saído mais cedo, mas ele está de parabéns. Tomara que seja o primeiro de muitos”, sorriu o paraguaio.

    Veja Também