Fox Sports - 13 de setembro de 2017 às 02:55

Após um primeiro turno sem precedentes, o Corinthians vem vacilando nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro. A despeito da diferença significativa em relação ao líder na tabela de classificação, o palmeirense Edu Dracena, animado pelos recentes tropeços do rival, ainda sonha com o título.

Com três derrotas nas últimas quatro partidas, duas contra os frágeis Vitória e Atletico-GO, o Corinthians contabiliza 50 pontos ganhos em 23 partidas disputadas. Já o Palmeiras tem 13 pontos a menos e figura no quarto lugar, atrás de Grêmio (43) e Santos (41).

“É claro que dá ânimo. Se eles tivessem vencido alguns jogos, estariam muito mais à frente e praticamente já não poderíamos mais buscar o título. Mas estão escorregando”, disse Dracena, antes de reconhecer os vacilos do próprio Palmeiras. “Nós também deixamos a desejar em algumas partidas em casa”, pontuou.

Fla exclusivo, Corinthians e Santos no FOX Sports

Em uma temporada que começou de maneira promissora, o Palmeiras acabou eliminado de forma precoce no Campeonato Paulista, na Copa do Brasil e na Copa Libertadores. Assim, o Brasileiro é o único torneio que o time alviverde ainda disputa em 2017.

“O campeonato não acabou, ainda estamos brigando pelo título”, disse Edu Dracena, otimista. “Se vamos conseguir ou não, é outra coisa, mas nossa meta é tentar ser o melhor time do segundo turno. Por mais que não estejamos no primeiro lugar, precisamos ter um objetivo”, explicou.

Veja também:

Muricy fala em retorno ao São Paulo

Grêmio com desfalque contra o Botafogo

Barça posta vídeo com show de Neymar

Na edição de 2009 do Campeonato Brasileiro, sob o comando do técnico Muricy Ramalho, coincidentemente o Palmeiras tinha na 23ª rodada 13 pontos de vantagem sobre o Flamengo, à época o 11º colocado, que terminou com o título de maneira improvável.

“Temos que focar jogo a jogo. O Palmeiras vem em evolução e estamos muito felizes com o momento que vivemos. Tomara que consigamos engatar uma série de vitórias que nos deixe mais perto dos líderes. Na reta final, vamos dar um sprint para, quem sabe, brigar pelo título”, projetou Dracena.