'Novo lateral', Edenílson comemora desempenho e empate do Timão

    Sem Alessandro e Welder, ambos lesionados, o técnico Tite teve de adaptar Edenílson na posição de lateral-direito. O resultado foi melhor do que o comandante alvinegro esperava. Na vitória por 2 a 0 sobre o Nacional-PAR, o jogador não comprometeu, demonstrando desenvoltura no ataque e na defesa. Novamente utilizado na função no empate sem gols com o Cruz Azul, nesta quarta, Edenílson foi bem e exaltou o resultado na Cidade do México.

    “Foi um jogo difícil e o empate deve ser comemorado. Criamos muitas chances para vencer, mas é um ponto valioso. Semana que vem tem mais”, avaliou o jogador, lembrando o reencontro do Timão com a equipe mexicana, na próxima quarta, às 22h, no estádio do Pacaembu.

    O principal adversário do “novo lateral” corintiano foi o brasileiro Maranhão, meia-atacante do Cruz Azul. Após disputar o Campeonato Brasileiro pelo Bahia em 2011, ele chegou ao time em janeiro deste ano e ganhou moral com o técnico Enrique Meza, assumindo posto de titular absoluto.

    “O Maranhão é muito habilidoso. Tivemos um duelo individual. Nossa defesa se saiu bem e o ataque também, foi um bom jogo”, finalizou.

    Contratado junto ao Caxias-RS para ser segundo volante, Edenílson já atuou mais recuado, na posição de Ralf, e acabou se tornando o “curinga” do elenco de Tite. O Timão volta a campo no próximo domingo, quando encara o Comercial, às 16h, no estádio Palma Travassos, em Ribeirão Preto. Pela Libertadores, o adversário será novamente o Cruz Azul, na quarta, dia 21, no Pacaembu.

    Reportagem: Globo Esporte

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Notícias do Corinthians