Preterido pelo Corinthians, Rildo vira maior arma do Coritiba em Itaquera

    • Divulgação

      Rildo disputou apenas 21 jogos oficiais pelo Corinthians, com dois gols marcados

      Rildo disputou apenas 21 jogos oficiais pelo Corinthians, com dois gols marcados

    A passagem apagada do atacante Rildo pelo Corinthians virá à tona na noite desta quarta-feira, em Itaquera, na partida com o Coritiba. O jogador, que foi preterido pelo clube paulista no fim do ano passado, voltará à arena alvinegra pela primeira vez depois de acertar com o time paranaense. 

    No Corinthians, primeiro sob o comando de Tite, depois com Cristóvão Borges, Oswaldo de Oliveira e até Fábio Carille, Rildo não conseguiu se destacar. Na passagem marcada por seguidas lesões, o atacante de 28 anos só disputou 21 partidas oficiais (duas como titular), com apenas dois gols marcados.  

    Rildo chegou ao Corinthians em junho de 2015, em meio a um desmanche do time que seria campeão brasileiro ao fim da temporada. Em 2016, com uma nova debandada, o jogador chegou a ter mais chances, mas foi atrapalhado pelos problemas físicos.

    No fim do ano passado, já com Carille definido no cargo de treinador, o Corinthians decidiu não renovar o contrato do atleta, que ficou livre para assinar com outro clube. Dessa forma, o Coritiba acertou sua transferência, com vínculo até dezembro desta temporada.

    Em Curitiba, Rildo demorou a ter destaque, mas diante das circunstâncias se tornou o principal jogador da equipe, exceção feita ao goleiro Wilson. Com as 13 partidas de suspensão impostas a Kléber Gladiador e a ausência de Anderson, por baixo rendimento, Rildo passou a ser referência.

    Não à toa: dos pés dele saíram cinco dos 25 gols do Coritiba na competição, o segundo pior ataque, à frente apenas do Avaí; sem Rildo o índice seria ainda pior, pois ainda deu duas assistências.

    Rildo esteve em campo pelo Coxa em 21 jogos nesse Brasileirão. No começo do ano, uma lesão e uma cirurgia o deixaram de fora da reta final do Paranaense. Para o duelo contra o ex-time, o jogador preocupou a comissão técnica.

    O Coritiba fez uma intertemporada em Atibaia e Rildo acabou poupado de quatro treinos nos campos do hotel, com sua presença se tornando mistério para a partida na Arena Corinthians.Na véspera do confronto, porém, a participação do atacante foi definida pelo técnico Marcelo Oliveira.

    FICHA TÉCNICA

    CORINTHIANS X CORITIBA

    Data: 11 de outubro de 2017, quarta-feira
    Horário: 21h (de Brasília)
    Competição: Campeonato Brasileiro (27ª rodada)
    Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
    Árbitro: Claudio Francisco Lima e Silva (SE)
    Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Fabio Pereira (TO)

    CORINTHIANS: Cássio; Léo Príncipe, Warian (Balbuena), Pedro Henrique (Pablo) e Guilherme Arana; Camacho e Maycon; Marquinhos Gabriel, Rodriguinho e Jadson; Jô. Técnico: Fábio Carille

    CORITIBA: Wilson; Léo, Cleber Reis, Werley e Carleto; Alan Santos, Matheus Galdezani, Tiago Real e Iago Dias; Rildo e Henrique Almeida. Técnico: Marcelo Oliveira

    Veja Também