Renato Augusto confia: ‘Vamos fazer o jogo da vida para classificar’

    Após a derrota por 2 a 0 para o Guaraní (PAR), nesta quarta-feira, em Assunção, o Corinthians precisará vencer por três gols de diferença na próxima semana, na Arena Corinthians, para se classificar às quartas de final da Libertadores. O meia Renato Augusto mostrou confiança para conseguir virar o resultado em casa com “o jogo da vida” dos corintianos.

    “Erramos algumas coisas. Infelizmente, o que a gente treinou não fizemos em alto nível. Mas não acabou, temos o jogo na nossa casa, com apoio da nossa torcida, ficamos mais fortes. Vamos para esse jogo. Vamos fazer o jogo da nossa vida para classificar”, disse o camisa 8.

    A equipe de Tite voou nos primeiros meses de 2015, passando por rivais e desafios na Libertadores com sucesso. Na ocasião, foi classificada como a melhor do Brasil e mostrava-se forte candidata aos títulos. A fase começou a mudar após a eliminação para o Palmeiras, nos pênaltis, na semifinal do Paulistão. Depois veio a derrota para o São Paulo pela Libertadores e, agora, o revés diante dos paraguaios.

    O meia corintiano admitiu que o Timão pode ter chegado ao auge antes do que devia, mas que era necessário.

    “Pode ser que sim (chegou ao auge antes do ideal). Mas a gente precisava chegar no auge cedo, porque tinha pré-Libertadores, depois grupo da morte… Tinha que estar pronto rápido. Demos uma caída, mas tenho certeza de que vamos retomar e no próximo jogo faremos uma grande partida”, aposta o jogador.

    Para Renato, não foi só o Corinthians abaixo do normal que determinou a derrota no Paraguai. Ele exaltou a equipe da casa, que venceu com gols de Santander e Contrera no segundo tempo.

    “Não voltamos a jogar o que a getne estava jogando, com alto nível, triangulações, jogo rápido… Mas teve mérito do Guaraní, que fez uma grande partida, defendeu muito bem, teve pressão alta boa. Eles dificultaram nosso trabalho, teve mérito deles também”, analisou.

    Veja Também

    Vídeos do Corinthians