Corinthians x São Paulo - Comemoração

Renda, lucro, público, médias… Veja os rankings finais do Paulistão-2019

O Paulistão terminou no último domingo, com o Corinthians batendo o São Paulo para o levar seu 30º título estadual. Mas não foi só o status de campeão dentro de campo que o Timão conquistou. No que se refere aos números de bilheteria do campeonato, o clube dominou os rankings e deixou para trás seus principais rivais nessa disputa fora das quatro linhas.

Confira na galeria abaixo os rankings de público pagante total, média de público pagante, renda bruta total, média de renda bruta, renda líquida total, média de renda líquida, ingresso médio e, para completar, a lista de quanto cada clube contribuiu para a FPF por meio das taxas que a Federação coloca  em cima da arrecadação dos jogos. Isso somente do Campeonato Paulista, sem colocar na conta as partidas referentes ao Troféu do Interior.

PÚBLICO PAGANTE TOTAL

Corinthians x São Paulo - Comemoração
Corinthians: maior público (Foto: Eduardo Carmim/Photo Premium)

1) Corinthians – 323.194 pagantes
2) Palmeiras – 225.152 pagantes
3) São Paulo – 199.284 pagantes
4) Santos – 130.152 pagantes
5) Ferroviária – 32.126 pagantes
6) Botafogo-SP – 31.086 pagantes
7) Ponte Preta – 26.319 pagantes
8) Ituano – 25.980 pagantes
9) São Bento – 22.951 pagantes
10) Mirassol – 21.781 pagantes
11) Novorizontino – 20.737 pagantes
12) Red Bull – 19.771 pagantes
13) Guarani – 17.421 pagantes
14) Bragantino – 14.792 pagantes
15) São Caetano – 12.520 pagantes
16) Oeste – 11.965 pagantes

MÉDIA DE PÚBLICO PAGANTE

Corinthians x São Paulo - Comemoração
Timão: maior média de público pagante (Foto: Photo Premium)

1) Corinthians – 35.910 pagantes por jogo
2) Palmeiras – 28.144 pagantes por jogo
3) São Paulo – 22.143 pagantes por jogo
4) Santos – 16.269 pagantes por jogo
5) Botafogo-SP – 5.181 pagantes por jogo
6) Ferroviária – 4.589 pagantes por jogo
7) Ponte Preta – 4.387 pagantes por jogo
8) São Bento – 3.825 pagantes por jogo
9) Ituano – 3.711 pagantes por jogo
10) Mirassol – 3.630 pagantes por jogo
11) Novorizontino – 2.962 pagantes por jogo
12) Guarani – 2.904 pagantes por jogo
13) Red Bull – 2.824 pagantes por jogo
14) Bragantino – 2.465 pagantes por jogo
15) São Caetano – 2.087 pagantes por jogo
16) Oeste – 1.994 pagantes por jogo

RENDA BRUTA TOTAL

Corinthians x São Paulo - Comemoração
Corinthians: maior arrecadação (Foto: Ana Canhedo/Lancepress!)

1) Corinthians – R$ 17.323.488,10
2) Palmeiras – R$ 12.332.950,20
3) São Paulo – R$ 11.147.289,50
4) Santos – R$ 4.274.841,50
5) Ferroviária – R$ 1.491.020,00
6) Novorizontino – R$ 991.120,00
7) Ituano – R$ 973.490,00
8) São Bento – R$ 866.875,00
9) Mirassol – R$ 825.290,00
10) Red Bull – R$ 817.920,00
11) Ponte Preta – R$ 666.425,00
12) Bragantino – R$ 510.375,00
13) São Caetano – R$ 496.490,00
14) Botafogo-SP – R$ 479.805,00
15) Guarani – R$ 377.316,00
16) Oeste – R$ 349.155,00

MÉDIA DE RENDA BRUTA

Corinthians x São Paulo - Vagner Love
Corinthians: maior média de renda bruta (Foto: Luis Moura / WPP)

1) Corinthians – R$ 1.924.832,01 por jogo
2) Palmeiras – R$ 1.541.618,78 por jogo
3) São Paulo – R$ 1.238.587,72 por jogo
4) Santos – R$ 534.355,19 por jogo
5) Ferroviária – R$ 213.002,86 por jogo
6) São Bento – R$ 144.479,17 por jogo
7) Novorizontino – R$ 141.588,57 por jogo
8) Ituano – R$ 139.070,00 por jogo
9) Mirassol – R$ 137.548,33 por jogo
10) Red Bull – R$ 116.845,71 por jogo
11) Ponte Preta – R$ 111.070,83 por jogo
12) Bragantino – R$ 85.062,50 por jogo
13) São Caetano – R$ 82.748,33 por jogo
14) Botafogo-SP – R$ 79.967,50 por jogo
15) Guarani – R$ 62.886,00 por jogo
16) Oeste – R$ 58.192,50 por jogo

RENDA LÍQUIDA TOTAL (LUCRO)

Corinthians x São Paulo
Corinthians: maior lucro da competição (Foto: Luis Moura / WPP)

1) Corinthians – R$ 11.609.145,80
2) São Paulo – R$ 7.426.964,58
3) Palmeiras – R$ 7.153.497,99
4) Santos – R$ 1.783.507,46
5) Ferroviária – R$ 1.153.627,69
6) Novorizontino – R$ 795.554,15
7) Ituano – R$ 641.288,22
8) Mirassol – R$ 610.583,55
9) São Bento – R$ 573.025,30
10) Red Bull – R$ 501.350,28
11) Bragantino – R$ 326.847,96
12) Ponte Preta – R$ 284.098,38
13) São Caetano – R$ 268.453,81
14) Oeste – R$ 192.643,32
15) Botafogo-SP – R$ 171.949,90
16) Guarani – R$ 107.003,05

MÉDIA DE RENDA LÍQUIDA (MÉDIA DE LUCRO)

Corinthians x São Paulo
Timão: maior média de lucro (Foto: Eduardo Carmim/Photo Premium)

1) Corinthians – R$ 1.289.905,09 por jogo
2) Palmeiras – R$ 894.187,25 por jogo
3) São Paulo – R$ 825.218,29 por jogo
4) Santos – R$ 222.938,43 por jogo
5) Ferroviária – R$ 164.803,96 por jogo
6) Novorizontino – R$ 113.650,59 por jogo
7) Mirassol – R$ 101.763,93 por jogo
8) São Bento – R$ 95.504,22 por jogo
9) Ituano – R$ 91.612,60 por jogo
10) Red Bull – R$ 71.621,47 por jogo
11) Bragantino – R$ 54.474,66 por jogo
12) Ponte Preta – R$ 47.349,73 por jogo
13) São Caetano – R$ 44.742,30 por jogo
14) Oeste – R$ 32.107,22 por jogo
15) Botafogo-SP – R$ 28.658,32 por jogo
16) Guarani – R$ 17.833,84 por jogo

INGRESSO MÉDIO

São Paulo x Corinthians
São Paulo: ingresso mais caro (Foto: Miguel Schincariol/saopaulofc.net)

1) São Paulo – R$ 55,94 por jogo
2) Palmeiras – R$ 54,78 por jogo
3) Corinthians – R$ 53,60 por jogo
4) Novorizontino – R$ 47,79 por jogo
5) Ferroviária – R$ 46,41 por jogo
6) Red Bull – R$ 41,37 por jogo
7) São Caetano – R$ 39,66 por jogo
8) Mirassol – R$ 37,89 por jogo
9) São Bento – R$ 37,77 por jogo
10) Ituano – R$ 37,47 por jogo
11) Bragantino – R$ 34,50 por jogo
12) Santos – R$ 32,84 por jogo
13) Oeste – R$ 29,18 por jogo
14) Ponte Preta – R$ 25,32 por jogo
15) Guarani – R$ 21,66 por jogo
16) Botafogo-SP – R$ 15,43 por jogo

TAXAS DA FEDERAÇÃO PAULISTA DE FUTEBOL

Corinthians x São Paulo
Corinthians é o clube que mais contribuiu com taxas para a Federação Paulista de Futebol no Paulistão-2019 (Foto: Flavio Hopp/Lancepress!)

São duas as taxas que oneram os clubes e beneficiam a FPF em cada duelo. A primeira é fixa de 5% sobre a renda bruta, independentemente do mandante. A outra, cujo nome era Fundo de Manutenção e Modernização dos Estádios de Futebol do Estado de São Paulo, e passou a se chamar Fundo de Valorização e Desenvolvimento do Futebol Paulista, tira 2% da renda bruta quando os mandantes são Corinthians, Palmeiras, Santos ou São Paulo, e 1% quando o dono da casa não é um desses grandes citados.

Veja quanto cada clube contribuiu para a FPF nesta edição:

1) Corinthians – R$ 1.212.644,18
2) Palmeiras – R$ 863.306,53
3) São Paulo – R$ 780.310,27
4) Santos – R$ 299.238,91
5) Ferroviária – R$ 89.461,20
6) Novorizontino – R$ 59.467,20
7) Ituano – R$ 58.409,40
8) São Bento – R$ 52.012,50
9) Mirassol – R$ 49.517,40
10) Red Bull – R$ 49.075,20
11) Ponte Preta – R$ 39.985,23
12) Bragantino – R$ 30.622,50
13) São Caetano – R$ 29.789,40
14) Botafogo-SP – R$ 28.788,30
15) Guarani – R$ 22.638,96
16) Oeste – R$ 20.949,30

TOTAL: R$ 3.686.216,49

​Valor que supera a renda bruta total de 12 clubes do campeonato, ficaria atrás apenas da arrecadação de Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Santos.

Veja Também