Renê Jr. diz o que acha de desmanche no Corinthians e projeta 2018 no clube

    O volante Renê Jr. ainda nem foi oficializado como jogador do Corinthians, mas já parece ter abraçado o mantra que guiou a vitoriosa equipe desta temporada. Esperando apenas a assinatura do contrato, ele deixou claro que não está preocupado com a saída dos titulares Pablo, Arana e, principalmente, Jô.

    Valencia x Villarreal e Juventus x Roma, sábado, nos canais FOX Sports 

    “Ano passado foi o mesmo jeito, era a quarta força e terminou campeão brasileiro. Vamos trabalhar sério e buscar um grande ano de novo”, comentou o volante, presente a um jogo beneficente organizado por Marcos Assunção, na manhã deste sábado, em Caieiras, na Grande São Paulo.

    “O Jô é meu parceiro, fico feliz por ele, um dia a gente se tromba lá na frente”, continuou o meio-campista, que esteve perto do Alvinegro em duas oportunidades, mas só chegou a um acordo desta vez.

    Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

    Abordado por um menino para que assinasse uma camisa do Santos, seu ex-time, Renê prontamente atendeu o que explicou ser um carinho natural dos aficionados pelo clube que defendeu em 2013. A partir de agora, porém, ele defenderá outro alvinegro paulista.

    “Só quem é sabe, é o time do povo, muita gente dá força, incentiva. A gente fica feliz e agradecido por tudo isso, espero corresponder. Já rodei bastante, sou experiente para aguentar essa pressão”, concluiu o atleta, que segue para férias no Rio de Janeiro até o dia 3, quando deve ser apresentado e assinar contrato por três temporadas com o Timão.

    Saiba mais:

    Fred rescinde contratao com o Atlético-MG

    São Paulo e Santos podem acertar troca

    Jornal coloca Guerrero como melhor das Américas

    Crédito da foto: Felipe Oliveira/Bahia

    Veja Também

    Notícias do Corinthians