Reservas decepcionam mais uma vez e Timão segue na última posição

    O Corinthians foi a Campinas neste domingo (17) enfrentar a Ponte Preta, às 18h30, e não conseguiu voltar à capital com uma vitória. A falta de entrosamento entre os atletas corinthianos se evidenciou e o Timão não conseguiu criar boas chances na partida. Com um gol de André Luis aos 41 min do primeiro tempo, a Ponte Preta conseguiu manter o placar de 1 a 0 durante a segunda etapa e deixou o Moisés Lucarelli com os três pontos.

    Os primeiros 15 min de partida foram mornos, com nenhuma ameaça aos arqueiros das equipes. Aos 19 min e aos 21 min, a Ponte Preta teve as duas chances mais claras do jogo de abrir o placar. O time de Campinas era superior até os 30 min, quando o Timão teve sua primeira boa chance com Willian. Motivado, o Alvinegro da capital ameaçou novamente cinco minutos depois, quando Elton chutou de fora da área e o goleiro Edson Bastos fez boa defesa.

    Com a primeira etapa se aproximando de seu fim, o placar parcial parecia estabelecido, mas, em jogada aérea, André Luis marcou para a Ponte aos 41 min. O Timão não recuou, buscou o empate, mas a reação não veio no primeiro tempo.

    Segunda etapa

    Motivado, o Corinthians voltou disposto a reverter o placar. Logo no primeiro minuto, teve uma boa chance após cobrança de falta de Douglas. Aos 08 min, Tite fez sua primeira substituição, tirando Willian de campo e colocando o estreante Romarinho em seu lugar. Dois minutos depois, Ramon chutou forte de fora da área e a bola passou rente a trave adversária. Com 12 min de jogo, a Ponte ameaçou novamente, porém Roger chutou a bola por cima do gol de Júlio César.

    Aos 17 min, Adilson entrou no lugar de Ramirez. Com cautela, ambos os times buscavam espaço para movimentar o marcador. O Coringão fez sua última alteração aos 24 min, com a entrada de Liédson no lugar de Elton. Seis minutos depois, Douglas cobrou falta, Willian Arão cabeceou, mas a bola passou do lado de fora do gol.

    Com o jogo equilibrado, o Corinthians ameaçou novamente aos 32 min, com um chute forte de Welder. A partir deste momento, o jogo esfriou, os times criaram poucas chances e o placar não se movimentou mais. No próximo domingo (24), o Corinthians tem um clássico pela frente, contra o Palmeiras, às 16h, no Pacaembu. Já na Libertadores, o Timão enfrenta o Santos nesta quarta-feira (20), às 21h50, também no Pacaembu.

    Reportagem: Agência Corinthians

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Notícias do Corinthians