Ronaldo domina marketing do Corinthians, e oposição questiona

    Passados 13 meses da aposentadoria de Ronaldo, o marketing corintiano continua com as digitais do Fenômeno. O atual patrocinador máster, a Hypermarcas, veio com a sua participação, quando ele ainda vestia a camisa 9 alvinegra. Agora, do seu escritório da agência 9ine, o ex-atacante negocia com a Caoa para que a Hyundai seja a próxima parceira.

    Outros fatos mostram essa penetração de Ronaldo no clube. Ele ajudou na contratação de Adriano, há um ano, e a imagem do Imperador seria explorada pelo clube, porém o plano não deu certo.

    A ligação do Fenômeno com o marketing alvinegro incomoda a oposição, que considera a relação uma caixa-preta. Querem saber se o ex-jogador ainda tem contrato com o clube, quanto ganha, se recebe apenas comissão. E questionam sua eficiência como homem de marketing. Lembram que ele teve participação na contratação de Adriano.

    “O que falta é a diretoria explicar exatamente o que o Ronaldo faz no Corinthians. Ele é o que do clube?”, declarou o conselheiro oposicionista Rubens Gomes. “Eu preferiria que ele trabalhasse para o Corinthians e não para o COL e a 9ine. A imagem dele foi importante, mas agora ninguém fala que ele trouxe o Adriano”, completou, citando o cargo do Fenômeno no Comité Organizador Local da Copa.

    O novo diretor de marketing do clube alvinegro, Ivan Marques, é um dos sócios da agência de propaganda que trabalha para a Nike no Brasil. É mais um elo com Ronaldo, que desfruta de um patrocínio vitalício com a multinacional norte-americana.

    Questionado se a 9ine está à frente da negociação do novo patrocínio corintiano, já que o vínculo com a Hypermarcas se encerra ao término do Paulista, o cartola não negou.

    “Salário ele não ganha. Existe a comissão por resultados concretizados, assim como qualquer agência de propaganda ganha com clientes. A 9ine recebe da empresa, não do clube, não do Corinthians, em troca dessa prestação de serviço, é o que chamamos de ativação”, explicou Marques.

    Em fevereiro, dois dirigentes do alto escalão no Parque São Jorge confirmaram ao UOL Esporte que Ronaldo tem um contrato de imagem com o clube até dezembro de 2013. Sua função é participar de eventos, divulgar o Timão no exterior, ajudar na venda do nome do estádio no bairro de Itaquera (o naming rights).

    A pessoas próximas, o maior artilheiro da história das Copas nega a existência de vínculo com a última equipe que defendeu antes de pendurar as chuteiras.

    Reportagem: UOL

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Notícias do Corinthians