Salvador corintiano? Clamor por Danilo cresce antes de duelo com Palmeiras

    • Ricardo Nogueira/Folhapress

      Mister clássico, Danilo já marcou 12 gols contra os maiores rivais do Corinthians

      Mister clássico, Danilo já marcou 12 gols contra os maiores rivais do Corinthians

    Danilo não entra em campo para disputar uma partida oficial há 460 dias. A completa recuperação física do jogador de 38 anos, porém, faz torcedores alvinegros pedirem a participação do meia na partida contra o Palmeiras no próximo domingo, em Itaquera.

    Recuperado de duas fraturas na perna direita e de lesões musculares ocorridas depois dos retornos aos treinos com bola, Danilo justifica o clamor ao registrar um aproveitamento positivo contra os principais rivais do Corinthians.

    A média de gols do meio-campista em clássicos estaduais com a camisa do Corinthians é, para se ter uma ideia, três vezes maior em relação às partidas contra outros adversários – ela salta de 0,07 para 0,21. Danilo soma 33 gols pelo clube alvinegro – 12 deles foram marcados diante de Palmeiras, São Paulo e Santos.

    No total, Danilo, pelo Corinthians, disputou 58 clássicos a partir do começo de 2010. Os gols marcados ajudaram a deixar o aproveitamento extremamente favorável: foram 25 vitórias, 18 empates e 15 derrotas com o veterano em campo.

    Contra o Palmeiras, Danilo soma três gols em 15 confrontos, com média de gols de 0,20. Com ele no time, o Corinthians saiu vencedor mais vezes no dérbi: foram sete triunfos, quatro empates e outras quatro derrotas.

    Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

    Danilo será relacionado pela 5ª vez seguida

    Danilo na referência

    Recuperado de uma lesão muscular na panturrilha esquerda, Danilo voltou a ser relacionado por Carille na partida contra o Bahia. Em seguida, ficou como opção no banco diante de Grêmio, Botafogo e Ponte Preta. 

    De acordo Carille, a ideia é escalar Danilo no ataque, na posição de Jô, como um falso 9. Na avaliação do treinador, a escalação o jogador em outra posição está descartada pela necessidade física para desempenhar tais funções, seja pelo meio ou aberto. Vale lembrar que Kazim é o substituto imediato de Jô.

    “Estou levando com possibilidade de usá-lo, se precisar de 9 com a opção de ficar com a bola no pé e não puder ter o Jô. Não vejo ele como um jogador de lado e sim como falso 9. Não para 90 minutos, mas talvez para 30, 35. Estou levando para o banco em condição de usá-lo”, disse Carille antes da partida contra o Grêmio

    A última partida de Danilo foi disputada no dia 31 de julho do ano passado, contra o Inter, no Beira-Rio. Dias depois, o meia se lesionou gravemente em um treino no CT Joaquim Grava. Na ocasião, o camisa 20 fraturou a fíbula e a tíbia da perna direita.

    Em julho, antes do último problema muscular – o primeiro ocorreu em abril, logo após o retorno aos treinos -, o jogador atuou por 17 minutos em um jogo-treino contra o Atibaia, no CT corintiano. 

    Com contrato até o fim deste ano, Danilo já conquistou sete títulos pelo clube alvinegro e é atualmente o atleta com mais jogos pelo Corinthians do elenco atual. No clube desde 2010, o jogador soma 336 partidas, com 33 gols marcados.

    Confira os números de Danilo

    No Corinthians
    336 jogos, 33 gols
    Média de gol: 0,10

    Clássicos pelo clube
    58 jogos, 12 gols
    Média de gol: 0,21

    Outros confrontos pelo clube
    278 jogos, 21 gols
    Média de gol: 0,07

    Corinthians com Danilo nos clássicos
    58 jogos, 25 vitórias, 18 empates e 15 derrotas

    Contra o Palmeiras
    15 jogos, 7 vitórias, 4 empates e 4 derrotas
    3 gols marcados
    Média de gol: 0,20

    Contra o São Paulo
    24 jogos, 12 vitórias, 7 empates e 5 derrotas
    6 gols marcados
    Média de gol: 0,25

    Contra o Santos
    19 jogos, 6 vitórias, 7 empates e 6 derrotas
    3 gols marcados
    Média de gol: 0,16

    Veja Também