São Paulo nega busca por goleiro e abre conversas para renovar com Renan

    • MAURO HORITA/ESTADÃO CONTEÚDO

      Renan Ribeiro chegou ao São Paulo em 2013 e tem contrato até maio de 2018

      Renan Ribeiro chegou ao São Paulo em 2013 e tem contrato até maio de 2018

    O Corinthians afirma ter recusado uma proposta do São Paulo pelo goleiro Walter, que agora deve receber um aumento salarial. A versão, no entanto, é contestada pelo Tricolor, que assegura não estar em busca de um novo arqueiro para o elenco. Para sustentar seu lado, o clube do Morumbi diz que já abriu conversas para renovar o contrato de Renan Ribeiro.

    Titular desde meados do Campeonato Paulista, Renan teve bom início no Campeonato Brasileiro, mas sofreu com falhas no clássico contra o Santos, perdido por 3 a 2. Ainda assim, a diretoria são-paulina tenta prestigiar o camisa 30, que agora reencontrou o técnico que o lançou como profissional – em 2010, Dorival Júnior o promoveu no Atlético-MG. O vínculo atual com os tricolores termina em 28 de maio do próximo ano.

    Se não renovar, Renan poderá assinar pré-contrato de graça com qualquer equipe a partir de 28 de dezembro. Como já deve perder Denis, que fica sem vínculo em 31 de dezembro, o São Paulo não pretende sair no mercado duas vezes em janeiro e confia que Renan Ribeiro pode crescer. 

    À sombra de Cássio no Corinthians, Walter está no radar tricolor desde o ano passado, mas o clube do Morumbi garante que não fez nenhuma oferta para tirá-lo do rival. Nem mesmo Dorival Júnior, que de fato tem analisado o elenco para identificar possíveis necessidades de reforços, já tem uma posição definitiva sobre contratar um goleiro, tampouco indicou o corintiano. O trabalho é cauteloso para não tirar a confiança do jogadores que encaram a luta contra o rebaixamento. 

    Além de Renan e Denis, que está machucado, o São Paulo conta com Sidão e Lucas Perri como goleiros.

    Veja Também

    Notícias do Corinthians