Timão reforça busca por atacante, mas dá moral a opções do elenco

    A confirmação da saída de Paolo Guerrero deixa o Corinthians mais atento a busca por atacantes no mercado para a sequência do Campeonato Brasileiro.

    Apesar de não externar o desejo por um novo grande nome para o setor ofensivo, o clube trabalha nos bastidores para conseguir uma opção de qualidade e não tão cara para os cofres alvinegros.

    A estratégia é dar moral a quem está no elenco e evitar muito alarde na procura por novos atacantes.

    O técnico Tite reforçou o pedido nos últimos dias, durante as reuniões que definiram a liberação antecipada de Guerrero – ele tinha contrato até 15 de julho, mas encerrou seu vínculo com o Timão nesta quarta-feira.

    O nome mais próximo de substituir Guerrero é Vagner Love, contratado no início do ano. O centroavante ainda não engrenou com a camisa do Corinthians e só fez dois gols. Por isso, ele foi afastado para recuperar a forma física e não deve participar do clássico de domingo contra o Palmeiras.

    Sem falar abertamente sobre a busca por atacantes, o gerente de futebol Edu Gaspar ressaltou que há bons nomes no atual elenco.

    – Temos de dar atenção a quem vai substituir o Paolo. Temos no elenco atletas com grande potencial. As necessidades são bastante claras para o nosso elenco. Temos de dar ênfase a quem temos aqui. Queremos dar oportunidade e respaldo a quem está substituindo um ídolo – afirmou o gerente

    Sem dinheiro para contratar, o Corinthians está atrás de jogadores mais baratos no mercado sul-americano.

    Jogadores em fim de contrato também atraem o clube, mas no momento não há nomes de qualidade nessas condições, de acordo com avaliação da diretoria.

    A provável ausência de Emerson no Dérbi de domingo deixa Tite ainda mais preocupado. No momento, Romero e Mendoza são as únicas opções para o ataque – Danilo também pode ser improvisado no setor. Luciano está machucado, enquanto Malcom integra a seleção brasileira sub-20 que disputa o Mundial da categoria.

    Veja Também