Tite confirma zaga reserva e sinaliza time misto contra o Guarani

    Mais preocupado com o jogo da próxima quarta-feira, contra o mexicano Cruz Azul, o treinador do Corinthians confirmou, depois da vitória por 2 a 0 sobre o paraguaio Nacional, que ao menos a dupla de defesa será reserva diante do Guarani, no sábado. “Chicão e Castán estão fora”, antecipou Tite, sem rodeios. “Não adianta não querer dar água (entregar escalação ao adversário), os dois estão fora”, completou.

    Quanto ao restante do time, ele sinalizou no mínimo uma formação mista, como na Vila Belmiro. “No clássico com o Santos, não quis correr risco de contusão e, mesmo assim, um se machucou (o zagueiro Wallace rompeu os ligamentos do tornozelo esquerdo). Então vou cuidar desse aspecto no sábado”, comentou.

    Ao preservar Chicão e Castán, únicos beques inscritos na Copa Libertadores que estão aptos no momento – Paulo André se recupera de cirurgia no joelho direito –, o comandante corintiano terá que escalar uma dupla de zaga inédita, possivelmente formada por Felipe e Marquinhos.

    Tite provavelmente também preservará deste duelo o meia Danilo e o atacante Liedson, os quais costumam necessitar de maior tempo de recuperação no intervalo entre as partidas. Na lateral direita, é possível que Edenílson permaneça improvisado, já que Alessandro e Welder foram desfalques na quarta-feira, diante do Nacional, justamente por conta de lesões musculares.

    O Corinthians viaja ao México no domingo, um dia depois do compromisso pelo Campeonato Paulista, em que é o atual líder. Contra o Cruz Azul, estará em jogo o primeiro lugar do grupo na Libertadores – o time da casa entrará em campo com seis pontos, dois de frente para o Timão.

    Reportagem: Gazeta Esportiva

    Veja Também