Tite diz que má fase pode colocar Liedson no banco, mas não agora

    Liedson passou em branco contra o Cruz Azul e ampliou seu jejum pessoal para dez partidas sem gols. Apesar de seguir respaldando seu camisa 9, o técnico Tite não descarta a possibilidade de colocá-lo no banco.

    “Cada atleta vai construindo (a titularidade). Não vejo esse momento ainda, não. Pode acontecer, como com qualquer atleta, mas ainda não vejo”, resumiu o comandante, que perdeu uma opção na segunda-feira, já que Adriano teve seu contrato rescindido – Elton e Bill são os centroavantes do elenco.

    “Tem momentos profissionais e eu compreendo, porque joguei futebol. Ele passa uma série de jogos sem fazer gols, daqui a pouco entra uma, ganha confiança e vai fluindo”, defendeu TIte, repetindo discurso que já virou padrão após perguntas sobre a fase difícil do Levezinho.

    Diante do Cruz Azul, nessa quarta, Liedson até teve uma boa chance para marcar, mas pegou mal na bola na pequena área e precisou improvisar uma bicicleta para servir Paulinho, que chegou de trás batendo por cima.

    Mais apagado no segundo tempo, o atacante acabou substituído por Emerson aos 22 minutos, o que aumentou as dúvidas sobre a possibilidade de ida ao banco, uma vez que o Sheik era um dos titulares absolutos antes de parar para tratar uma pubalgia.

    Reportagem: Gazeta Esportiva

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Notícias do Corinthians