Vai chegar mais um! Corinthians estipula prazo para contratar novo zagueiro

    O Corinthians espera acertar com um zagueiro para a disputa do segundo turno do Campeonato Brasileiro. De olho no mercado nacional, única possibilidade de negócio devido ao fechamento da janela para chegada de atletas vindos do exterior, a expectativa da diretoria é entregar um jogador para o técnico Fábio Carille até a próxima semana, a primeira do mês de agosto.

    O Cifut (Centro de Inteligência do Futebol) monitora nomes que não realizaram as sete partidas em times grandes, vistos como ideais por já terem certa rodagem no futebol, ou atletas de destaques da Série B. Sem Pablo, machucado por ao menos 45 dias, e Vilson, sem previsão de volta, o Timão tem à disposição apenas o paraguaio Balbuena como nome experiente. Pedro Henrique (35) e Léo Santos (3), juntos, não somam 40 jogos como profissionais.

    Na semana passada, dias antes de a janela fechar e com a informação pública de que o Timão procurava um zagueiro, diversos jogadores foram oferecidos à diretoria. A maioria dos nomes demandava um investimento baixo em atletas de mercados alternativos, como Chile, Peru e Colômbia. Sem conseguir as informações necessárias, porém, o Alvinegro preferiu pensar apenas em atletas do futebol brasileiro.

    “Com a lesão do Pablo, que vai desfalcar um tempo considerável, seria uma boa contratar”, comentou Balbuena, que já teve problemas com lesão muscular em duas oportunidades nesta temporada, comprovando que o número de opções disponíveis pode até diminuir durante agosto.

    “Hoje, disponível, só tem três zagueiros: Léo, Pedrão e eu. Se alguém machucar seria só dois, sem ninguém no banco, complicado para o professor montar a equipe. É uma questão do Fábio, da diretoria, é só trabalhar o que a gente vem fazendo”, disse o camisa 4, autor do gol da vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense, no último domingo, elogioso a Pedro, seu provável companheiro dos próximos jogos.

    “Trabalha forte, vem demonstrando quando teve a oportunidade para jogar. Não desapontou. Não só ele, Giovanni fez um grande jogo. Também é mérito do Fábio, que passa as informações para todo mundo da mesma forma. Na hora de entrar, o jogador sabe o que fazer para que o rendimento da equipe não caia. Conseguimos bons resultados, subimos a competitividade para fazer um grande jogo”, concluiu.

    Veja Também

    Comments (3)

    1. Avatar
      Felipe Mendes

      E O SEGUNDO ATACANTE?

    2. Avatar
      Joao Marcos

      Alexandre pato

    3. Avatar
      Sandra Mara Maranho

      Roberto Maranho

    Comments are closed.