Henrique

    Veja o que falta para o Corinthians fechar a contratação de Henrique, do Fluminense

    O Corinthians tem um acerto verbal com o zagueiro Henrique, de 31 anos, mas aguarda o jogador acertar a sua rescisão contratual com o Fluminense para anunciá-lo como o quarto reforço do clube para a temporada – o Timão já fechou com Júnior Dutra, Renê Júnior e Juninho Capixaba.

    A contratação do defensor é dada como praticamente certa pelo Corinthians, mas ainda há detalhes a serem resolvidos com o Fluminense. O principal deles é o valor que o Tricolor desembolsará para romper o contrato dele e como será feito o pagamento.

    Afora prêmios, Henrique recebe cerca de R$ 450 mil em carteira no Fluminense. O Timão, por sua vez, aceitou pagar R$ 300 mil.

    Isso, porém, não deve significar uma redução nos recebimentos do defensor em 2018, já que uma das possibilidades discutidas com o Fluminense é o parcelamento do valor da rescisão em 12 meses. Assim, entre salários pagos pelo Corinthians e indenização do Tricolor, ele ganharia praticamente o mesmo que seu ordenado atual.

    Primeira reunião não houve acerto

    Não houve acordo entre Henrique e a diretoria do Flu na primeira reunião, mas as partes acreditam que a negociação pode ter um desfecho na próxima semana. De qualquer forma, ele não estará presente na pré-temporada do Corinthians nos Estados Unidos, já que a delegação alvinegra embarca para Orlando neste domingo.

    O defensor teve uma proposta da Turquia recentemente, mas não se animou com os valores apresentados. Já possibilidade de disputar a Libertadores e atuar no Corinthians, que paga em dia e tem disputado títulos, empolgou o atleta, que busca um contrato de três anos.

    Substituto de Pablo

    O técnico Fábio Carille vê Henrique como alternativa para substituir Pablo, que não acertou sua permanência e retornou ao Bordeaux, da França.

    Atualmente, o elenco corintiano conta com os seguintes zagueiros: Balbuena, Pedro Henrique, Yago, Léo Santos e Vilson.

    O Fluminense decidiu abrir mão de Henrique para evitar atrasos salariais e necessidade de venda de jogadores. Além dele, Diego Cavalieri, Wellington Silva (lateral), Marquinho, Artur, Robert, Higor Leite e Maranhão foram comunicados que estão fora dos planos para 2018. Estima-se uma economia anual de R$ 20 milhões com a saída deles.

    Veja Também

    Fotos do Corinthians
    Clayson - Corinthians