Fabio Carille - Corinthians

    Carille quer Jadson titular e espera ter Rodriguinho no clássico contra Santos

    O técnico Fábio Carille quer contar com os meias Jadson e Rodriguinho no clássico contra o Santos, neste sábado, às 18h30, em Itaquera, pelo Campeonato Paulista. Em entrevista nesta sexta-feira, no CT Joaquim Grava, o treinador se mostrou esperançoso em utilizá-los até mesmo como titulares.

    Jadson entrou aos 12 minutos do segundo tempo diante do Brusque, na última quarta, pela Copa do Brasil, e animou a comissão técnica. Apesar de não estar em plenas condições físicas, Carille gostaria de escalá-lo por até 70 minutos no fim de semana.

    – Jadson tem chance, vamos definir isso hoje. Ele fez um trabalho com bola ontem, hoje fará outro, para saber como é melhor usá-lo. Não por 90 minutos, mas é bem provável que ele inicie o jogo sim – afirmou.

    Principal jogador do Timão desde o ano passado, Rodriguinho está em fase final de recuperação de uma lesão muscular na coxa esquerda sofrida contra o Palmeiras. Ele ficou fora das últimas duas partidas, mas evoluiu nos últimos dias. O jogador é considerado titular absoluto do meio de campo.

    – Rodriguinho fez primeiro trabalho com bola ontem, hoje também. Vamos ver como ele se sente para a gente montar o time amanhã.

    Há a possibilidade também de o treinador mexer no ataque. Kazim vem sendo titular, mas Jô pode reaparecer.

    – A disputa está totalmente aberta. Jô tem entrado bem, fez outra função e bem contra Mirassol. Kazim fez quatro jogos seguidos. Está em aberto. Dois jogadores parecidos, pivôs mesmo, é questão de momento – justificou.

    Carille está preocupado com o desgaste físico da equipe. Por causa disso, não fará nenhum treino no campo nesta sexta. Alguns jogadores ainda passam por avaliações e podem ser preservados no clássico por conta do risco de sofrerem lesões. A definição da equipe será feita no sábado.

    – Vamos buscar sempre intensidade nos jogos. Quem estiver com cansaço fica fora. Estamos com um grupo de qualidade. Bem provável que algumas mudanças sempre aconteçam – explicou.

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Rodriguinho - Florida Cup 2017