Chicão deixa o treino mais cedo e vira dúvida no Timão

    O Corinthians poderá ter um desfalque importante para o duelo contra o Santos, nesta quarta-feira, pelo jogo de volta das semifinais da Copa Libertadores. O zagueiro Chicão sentiu uma entorse no tornozelo direito e teve de deixar um dos campos do CT Joaquim Grava transportado por um carrinho de golfe, durante o treino desta segunda-feira.

    Logo depois do imprevisto, o técnico Tite encerrou o trabalho e deixou alguns jogadores apenas cobrando faltas e pênaltis. Por meio da assessoria de imprensa do Timão, o Doutor Ricardo Galotti, médico do clube, mostrou otimismo sobre a participação do zagueiro no superclássico.

    “Ele sofreu uma leve entorse. Estava com muita dor e com um pequeno edema na região. Depois a dor foi melhorando. Ele ainda será reavaliado amanhã (terça-feira). Estamos otimistas, mas só amanhã poderemos saber se ele vai para o jogo”, disse Galotti.

    O camisa 3 participava normalmente da atividade técnica entre os titulares até que, em um lance com Romarinho, caiu no gramado. Prontamente atendido pelos médicos, o beque tirou suas chuteiras e seguiu imediatamente para o departamento médico do clube.

    Caso Chicão não tenha condições de atuar contra o Santos, Wallace e Marquinhos aparecem como opções para formar dupla com Leandro Castán. Paulo André, que voltou a ser relacionado na derrota para a Ponte Preta, não está mais na lista de inscritos para a competição continental.

    Reportagem: Lance!

    Veja Também

    Notícias do Corinthians