Corinthians ignora CBF e é o único ausente em reunião no Rio de Janeiro

    O Corinthians foi o único clube a não participar da reunião com a CBF na tarde desta segunda-feira. O clube paulista, que tem Andrés Sanchez como Superintendente de Futebol, não mandou nenhum representante para o Rio de Janeiro e não apresentou nenhuma justificativa.

    O ex-presidente alvinegro tem Marco Polo Del Nero como seu principal desafeto no cenário do futebol brasileiro. A equipe participava da articulação de uma liga nos bastidores, mas o movimento acabou se fragilizando após o encontro desta tarde.

    Na reunião, a CBF decidiu que vai fazer uma mudança importante em seu estatuto na próxima quinta-feira. O presidente Marco Polo Del Nero informou que vai dar mais poder aos clubes, os inserindo no processo de definição do calendário e de formato dos campeonatos.

    Atualmente, há uma norma que permite que a presidência vete qualquer decisão do conselho técnico. A partir da reforma, ela não existirá mais.

    Del Nero será ‘sabatinado’ na Comissão de Esportes da Câmara dos Deputados, nesta terça-feira, em Brasília. O cartola confirmou presença para prestar esclarecimentos sobre os escândalos da Fifa. O presidente da CBF é aguardado às 14h e será recebido, dentre outros, pelo superintendente de futebol do Corinthians, Andrés Sanchez (PT-SP), o ex-judoca João Derly (PCdoB-RS), e o ex-jogador Deley (PTB-RJ).

    Veja Também

    Fotos do Corinthians