Giovanni Augusto pode desfalcar o Corinthians por até oito semanas

    O Corinthians pode perder um importante reforço neste importante momento da temporada. O meia Giovanni Augusto, que deixou o campo ainda no primeiro tempo da vitória sobre o RB Brasil no sábado, tem suspeita de fratura no tornozelo esquerdo.

    – Existe uma suspeita de fratura no quinto metatarsiano, aquele osso que fica do lado de fora do pé. Amanhã vamos fazer um exame mais apurado, uma ressonância magnética. Para confirmar ou não a suspeita de fratura – disse o médico Joaquim Grava à Rádio Globo.

    No sábado, Giovanni Augusto deixou a Arena Corinthians com uma bota ortopédica para imobilizar a perna. Se o exame desta segunda confirmar a fratura, ele ficará afastado dos gramados por até oito semanas.

    – Depende do tipo de fratura, se for estável, não houver desvio, o tratamento inicial é imobilização de cinco a seis semanas. Se o caso for clínico é melhor porque depois de 10 dias já pode iniciar um tratamento físico paralelo, sem impacto. Se for cirúrgico, atrasa um pouquinho mais – explicou Joaquim Grava.

    Sem descanso após a goleada deste sábado, que garantiu a equipe nas semifinais do Campeonato Paulista, o elenco do Corinthians voltou a treinar na manhã deste domingo. O próximo compromisso da equipe é na quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), contra o Cobresal, pela Taça Libertadores da América.

    Veja Também

    Notícias do Corinthians