Kazim - Gol Corinthians

    Gringo da Favela decide e Timão volta a vencer apesar de desempenho fraco

    Com um gol do atacante Kazim, o Corinthians alcançou neste sábado (18) a sua terceira vitória no Campeonato Paulista. O time treinado pelo técnico Fábio Carille derrotou o Audax, por 1 a 0, em Osasco, pela quarta rodada da competição.

    Kazim começou um jogo como titular pela primeira vez desde que foi contratado pelo clube. Ele substituiu Jô, que, poupado, nem foi relacionado para o duelo. O atacante turco anotou o seu segundo gol com a camisa da equipe (ele já havia balançado as redes contra o Vasco, em janeiro, pela Florida Cup).

    Com o resultado deste sábado, o time alvinegro soma agora nove pontos e lidera o grupo A (ultrapassou o Ituano). Já o Audax, que possui apenas uma vitória até aqui (na estreia, contra o São Paulo), tem quatro pontos e é o último da chave D.

    Ale Cabral/AGIF/Estadão Conteúdo

    Kazim comemora gol para o Corinthians contra o Audax

    O Corinthians mostrou uma grande disciplina tática, sobretudo no primeiro tempo, quando apertou a saída de bola do rival e soube tirar vantagem disso. Conseguiu o seu gol exatamente com um roubo de bola no ataque. Na segunda etapa, perdeu muitas chances e, com o cansaço, sofreu muitos riscos na defesa. Sorte que o time da casa não soube aproveitar.

    Na próxima rodada do Campeonato Paulista, o Corinthians tem o clássico contra o Palmeiras, na quarta-feira (22), em Itaquera. No mesmo dia, o Audax visita o Botafogo.

    Mudanças

    Carille promoveu algumas mudanças na equipe. Arana, Camacho, Léo Jabá e Kazim foram as grandes novidades no time titular. Além de Jô, outros três jogadores que geralmente figuram entre os 11 inciais (Marlone, Moisés e Fellipe Bastos) começaram no banco de reservas. Romero completou o trio de ataque com Léo Jabá e Kazim.

    Do outro lado, o técnico do Audax, Fernando Diniz, muito amigo de Carille, apostou no mesmo time que empatou por 1 a 1 com a Ferroviária, na rodada anterior do Campeonato Paulista. Hugo e Gabriel Leite pelas pontas na frente e Ytalo no centro.

    Calor e equilíbrio

    O termômetro marcava 33ºC no início da partida. Talvez isso explique o ritmo lento nos primeiros minutos. Ambas as equipes mostravam dificuldades na armação de jogada. O Corinthians apostava na forte marcação na boa saída de bola do adversário, uma das marcas registradas do Audax. Na frente, o time da casa ia bem até chegar perto da grande área da equipe visitante, bem postada na defesa.

    Tática dá certo

    E a tática de Carille, de subir a marcação e apertar o adversário em seu campo, deu certo aos 29 minutos do primeiro tempo. Camacho roubou uma bola perto da área e rolou para Kazim, que chutou forte e rasteiro no canto esquerdo para abrir o placar.

    Cansaço e show de gols perdidos

    Com dores no tornozelo, Kazim pediu para ser substituído no início do segundo tempo. Maycon entrou em seu lugar. Sem o turco, Léo Jabá teve duas grandes chances para ampliar o marcador em lances parecidos. E nos dois momentos, mesmo cara a cara com Felipe Alves, ele não conseguiu passar pelo goleiro. Romero também teve uma ótima oportunidade, mas, dentro da área, desperdiçou.

    Cansado, o Corinthians cedeu muitos espaços na defesa. O Audax mostrou que estava vivo no jogo e também conseguiu criar as suas chances. A exemplo do rival, porém, faltou caprichar nas finalizações. Aos 23 minutos, Rafinha passou por três defensores do adversário, mas, já na área, chutou torto. Quando o time acertou o pé, parou em Cássio, sempre bem colocado.

    O básico

    Esta foi a terceira vitória por 1 a 0 do Corinthians no Campeonato Paulista deste ano. O time venceu o São Bento e o Novorizontino pelo mesmo placar. Contra o Santo André, perdeu por 2 a 0.

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Elenco do Corinthians
    Notícias do Corinthians

    Comments (8)

    1. Janilson Morais

      Com esse futebolzinho q esse time tá jogando não chega a lugar nenhum

    2. Eiji Kisaragi

      Se cotinuar assim, nem sao jorge salva o timao da serie B”

    3. Fabio Fabão

      Estamos ganhando isso que importa.

    • Solange Oliveira

      Isso ai essis rebanho de otário fica com conversinha q ñ aseita si com forma nos samos campeão 😍

  • Daniele Santos

    Vamos fala verdade .ate quando o corinthians vai jogar esse joginho medíocre. Si continua assim vai cair pra segunda divisão do campeonato brasileiro .esse time so ta assim por causa dessa diretoria medíocre que vendeu aqueles jogadores.ganha de 1×0 nao que dizer nada

  • Elias Silva

    Fez o gol mas ta fraco ainda

  • Rafael Molina Barrancos

    Vamos falar do Romero?
    Romero não domina, não dribla, não cruza e não chuta.
    Ano passado ele fez 5 gol no Brasileirão inteiro, que tem 38 jogos. Ou seja, Romero precisa de 7,6 jogos para marcar um gol.
    Isso tudo só pode significar uma coisa: está no momento do Romero rever sua carreira e começar a buscar outras posições. Ele não é atacante.

  • Comments are closed.