Nove dias de férias e 46 jogos: Arana tem cuidado especial no Corinthians

    • Miguel Schincariol/Getty Images

    As duas semanas sem jogo do Corinthians têm sido importantes para o elenco descansar e recuperar jogadores, como o meia Jadson. Em um caso específico, a comissão técnica adota ainda mais cuidado neste período: com o lateral esquerdo Guilherme Arana.

    Não à toa que Arana apresenta desgaste físico e não participou do treino em campo na última quarta-feira por conta de dores musculares. Ele, inclusive, já havia deixado a atividade mais cedo na terça. O lateral teve apenas nove dias de férias no fim do ano passado e já soma 46 jogos na temporada – 40 pelo Corinthians e seis pela Seleção Brasileira Sub-20.

    Ao contrário da maioria dos jogadores, Arana não teve férias após o fim do Brasileirão de 2016. Ele se apresentou à Seleção Sub-20 para a preparação para o Sul-Americano da categoria. Os jogadores ganharam apenas nove dias de férias, de 24 de dezembro até 1ª de janeiro.

    Logo que voltou ao Corinthians, Arana assumiu a titularidade. Apesar de ter retornado da Seleção na segunda metade de fevereiro, o lateral é o quinto jogador que mais participou de jogos pelo Timão temporada, atrás de Cássio (49 partidas), Gabriel (47), Jô (47) e Balbuena (42). Agora com essas duas semanas sem jogo, a comissão técnica pôde dar descanso aos atletas mais desgastados.

    “A gente vinha em uma sequência muito intensa. Essas duas semanas são muito importantes, primeiro para recuperar os atletas, e depois para treinar algumas variáveis. Por conta dos muitos jogos, acabamos tendo tempo apenas para recuperar e não fazer trabalhos de condicionamento. Então essas duas semanas servem para recuperar e depois trabalhar essas variáveis”, explicou o fisiologista Antonio Fedato, na semana passada.

    Embora não tenha trabalhado em campo na última quarta, Arana não deve desfalcar o Corinthians neste sábado, contra o Vitória, pela 21ª rodada. O lateral tem sido um dos destaques do líder do campeonato, com oito assistências e dois gols. Isso que ele só teve nove dias de férias.

    Veja Também