Cássio se defende por ida ao ataque e pede ‘erro zero’ no Corinthians em reta final

    Após se aventurar no ataque e ver o Bahia aproveitar o gol vazio para decretar a vitória sobre o Corinthians por 2 a 0, o goleiro Cássio defendeu a sua ação realizada na noite deste domingo, em Salvador. O camisa 12 ainda pediu “erro zero” na equipe durante a reta final do Campeonato Brasileiro.

    O lance se deu aos 48 minutos do segundo tempo, quando o Timão teve uma falta para cobrar na direita. Após o rebote da zaga baiana, Marquinhos Gabriel errou passe que culminou em contra-ataque e no gol de Régis.

    “A bola estava com a gente, poderia ter voltado para dentro da área. Infelizmente o jogador deles leu bem a jogada e saiu no contra-ataque. O jogo estava no final, ali é tudo ou nada, temos de tentar ajudar de alguma forma. É muito difícil questionar a recomposição, porque era o último lance da partida. Infelizmente acabamos tomando o gol”, lamentou o arqueiro, na zona mista da Arena Fonte Nova.

    Saiba mais:

    Fla ou Timão? Elias revela clube que deseja encerrar a carreira

    Benja: Palmeiras terá quatro reforços de peso para 2018

    Flamengo quer Diego Tardelli para o ano que vem

    “Teve um jogo na Arena, contra o Atlético-GO, que o Cássio queria ir (para a área) e eu não deixei. Hoje, faltava um minuto para acabar. Mas erramos na construção da jogada, tinha que ter voltado a bola lá. É mais um aprendizado para não errarmos mais”, avaliou o técnico Fábio Carille, em entrevista coletiva.

    Além de Marquinhos Gabriel, Fagner cometeu falha infantil na partida. Aos 26 minutos da etapa final, o lateral direito tentou sair jogando, mas perdeu a bola para o atacante Edigar Junio dentro da área alvinegra e viu, na sobra, o meia Vinicius abrir o placar para o Bahia.

    “Temos de melhorar isso. O Corinthians vem jogando da mesma maneira, mas a gente vem errando em alguns jogos. Claro que na reta final é erro zero, mas vamos tentar acertar. Não é colocar culpa em ninguém, somos um conjunto na vitória e na derrota, mas temos de evitar de acontecer erros novamente”, concluiu Cássio.

    Com 58 pontos ganhos, o Corinthians viu o Grêmio (49), um de seus concorrentes pelo título, diminuir a diferença, e ainda pode ter o Santos mais perto nesta segunda-feira – o Peixe encara o Vitória, no Pacaembu. O próximo compromisso do Corinthians é justamente o duelo com os gaúchos, nesta quarta-feira, em Itaquera.

    Veja Também