Tite pede 'maturidade e experiência' ao Corinthians contra o Emelec

    Após ser eliminado pela Ponte Preta nas quartas de final do Paulistão Chevrolet, o Corinthians voltará a jogar nesta quarta-feira, às 21h50 (horário de Brasília), em Guaiaquil, contra o Emelec (EQU).

    Seguro de que sua equipe já assimilou o baque da eliminação no Estadual, o treinador exige a postura mostrada pela equipe durante a fase de grupos da competição sul-americana.

    “Maturidade e experiência para encarar essas adversidades. Aquela maturiudade que a equipe vem preparando para ter fora de casa, que mostrou na Venezuela (contra o Táchira) e no México (contra o Cruz Azul). Temos consciência do nosso papel e que podemos fazer um grande jogo aqui em Guaiaquil”, afirmou, em coletiva.

    Pela primeira vez no torneio, a equipe jogará sem Liedson, barrado por deficiência técnica. Sem polemizar, o treinador explicou porque prefiriu deixar o camisa 9 no Brasil.

    “Há cerca de quinze dias, eu disse ao Fábio (Mahseredjian, preparador físico) que precisávamos dar uma condição melhor em termos de força e velocidade, e está sendo feito esse trabalho diferenciado. Além disso, pensei no bom momento do Willian. O Liedson disse a mim também que seria melhor ficar fora, para melhorar. Eu o liberei para ficar lá”, disse.

    Assim, Willian assumirá a condição de “centroavante.” Mesmo não sendo a sua função preferida, o camisa 7 tem a confiança da comissão técnica para marcar os gols.

    “Ele jogou várias vezes assim no Figueirense, lembro ainda que ele fez um grande jogo contra o Mirassol (no Paulistão-10), marcou gols e teve uma boa participação. Não teremos um centroavante, mas teremos um atacante em bom momento.”

    Reportagem: Lance!

    Veja Também

    Notícias do Corinthians
    Notícias do Corinthians