Corinthians quebra recorde do BR em 7 rodadas, mas se preocupa com saídas

    19 pontos, depois das sete primeiras rodadas, só o Corinthians de Fábio Carille no Campeonato Brasileiro desde 2003.

    Com a vitória sobre o Cruzeiro na noite de quarta-feira, a Arena Corinthians presenciou a melhor sequência inicial de uma equipe na história da competição. Naquele que foi classificado pelo treinador Fábio Carille como o jogo mais difícil do ano, mais três pontos foram somados, agora graças a um gol de Balbuena. O olhar do clube, cada vez mais, passa a ser outro. 

    A consolidação da equipe reformulada no começo da temporada, com destaques claros, jovens em ascensão e banco de reservas que se mostrou firme, deixa o Corinthians com foco em manutenções. Jogadores como Fagner, Arana, Balbuena, Pablo, Rodriguinho e Maycon estão entre aqueles que chamam a atenção do mercado no momento, o que faz Fábio Carille já admitir que alguma perda pode ser inevitável. 

    Alan Morici/Framephoto/Estadão Conteúdo

    Balbuena fez o gol que levou Corinthians aos 19 pontos em 21 disputados

    “A janela preocupa todos. A diretoria vai trabalhar muito para não sair ninguém agora e definir a situação do Pablo. Sei que é difícil, mas a diretoria trabalha bastante. Se perder um ou dois, a gente consegue sustentar. Se perder cinco ou seis, é complicado”, comentou o treinador depois de vencer o Cruzeiro.  

    Apesar de ter um elenco com três jogadores para quase todas as posições, Carille tem mencionado a importância de buscar mais jogadores no mercado por um motivo simples: adquirir reforços para antecipar possíveis saídas. Assim, não será surpresa se um meio-campista ou um zagueiro, por exemplo, for adquirido nos próximos dias. 

    Uma maneira de fazer caixa e não prejudicar o trabalho de Carille diretamente é vender reservas ou jogadores emprestados. Nos últimos dias, o Corinthians viveu a expectativa de negociar Léo Jabá para o Lokomotiv-RUS por R$ 11 milhões, o que não se concretizou no fim das contas. Outro que convive com rumores de saída é o atacante Lucca, goleador da Ponte Preta e que pertence aos corintianos.

    Enquanto tem todos os jogadores disponíveis e recebe Rodriguinho e Fagner para enfrentar o Coritiba no domingo, o Corinthians contabiliza marcas importantes. Já são 20 jogos invicto, e 18 em que jamais esteve atrás do placar. Outro dado importante é: de 33 partidas na temporada, não sofreu gol em 17.

    Números que traduzem o momento especial da equipe, mas não mudam a postura de Carille. Até porque há um dado ainda mais importante: dos 15 líderes em sete rodadas, só dois se sagraram campeões: o Cruzeiro de 2014 e o Corinthians de 2015.    

    Os líderes do Brasileiro após 7 rodadas desde 2003:

    2003 – Internacional – 18 pontos
    2004 – Criciúma – 14 pontos
    2005 – Botafogo – 18 pontos
    2006 – Cruzeiro – 16 pontos
    2007 – Botafogo – 17 pontos
    2008 – Flamengo – 16 pontos
    2009 – Atlético-MG – 17 pontos
    2010 – Corinthians – 17 pontos
    2011 – Corinthians – 17 pontos
    2012 – Atlético-MG – 16 pontos
    2013 – Coritiba – 15 pontos
    2014 – Cruzeiro – 16 pontos
    2015 – São Paulo – 16 pontos
    2016 – Internacional – 16 pontos
    2017 – Corinthians – 19 pontos

    Veja Também

    Comments (9)

    1. Avatar
      Claudemir Melo

      Corinthians tem que segurar o que tem no elenco, devolver o kasin e pegar o lucas de volta, seremos campeão do brasileiro.

    2. Avatar
      Victor Leonardo

      Se sair tem que contratar,essa diretoria é a pior de todas, pra vender jogador é uma fera mais já no quesito contratar é uma droga

    3. Avatar
      Marcos Roberto
    4. Avatar
      Marcos Roberto
    5. Avatar
      Marcos Roberto
    6. Avatar
      Anderson Puco

      Malu Puco

    7. Avatar
      Edina Soares

      Vamos lá timão.

    8. Avatar
      Carlinha Yasmin

      Aqui timao sempre

    9. Avatar
      Felipe Mendes

      MAIS UM ZAGUEIRO E UM ATACANTE DE PESO. O CORINTHIANS BRIGA PELO TITULO !!!

    Comments are closed.